(67) 99826-0686
PMCG Novembro

Mulher tem os dedos de pé amputados após sessão de pedicure com peixes

Procedimento consiste em pôr os pês em água doce e deixar que peixes comam a pele morta para que por baixo nasça outra pele saudável

14 SET 2018
Extra
08h55min
Foto: Reprodução / Facebook

Uma moradora de Perth (Austrália) teve todos os dedos do pé direito amputados após se submeter a uma sessão de pedicure em que são usados peixes.

Victoria Curthoys decidiu experimentar o serviço estético em um spa quando viajava pela Tailândia, em 2010. O procedimento consiste em pôr os pês em água doce e deixar que peixes comam a pele morta para que por baixa nasça outra pele saudável.

A australiana desenvolveu uma infecção por uma bactéria identificada como shewanella, que, segundo médicos, estava "comendo" os seus ossos do pé. A solução, para evitar a disseminação da doença, foi amputar os dedos, contou reportagem do "Metro".

Primeiro, o dedão foi amputado em 2012. Não adiantou para conter o avanço da infecção. Nos anos seguintes, os médicos tiveram que cortar os outros dedos. O último foi removido em novembro de 2017, quando a australiana tinha 28 anos.

"Posso dizer honestamente que o meu pé nunca esteve tão saudável como agora. Agora posso fazer pressão sobre o meu pé", disse Victoria. "No fim das contas, vi pessoas com lesões bem piores que me considero até sortuda", acrescentou ela.

Em julho deste ano, um realto publicado na revista médica "JAMA Dermatology", descreveu outro caso de paciente com problema após serviço de pedicure com peixes. A jovem, na faixa dos 20 anos, sofreu queda de todas as unhas dos pés após o procedimento.

O uso de peixes como pedicures tem risco de infecção, já que a água não costuma ser trocada e os mesmos animais atendem vários clientes.

Veja também