Sicredi
ASSBMS
(67) 99826-0686

Estádios de Boca Juniors e River Plate sofrem com ameaças de bomba

Ambos os estádios foram evacuados e completamente isolados, mas tudo não passou de um alarme falso, de acordo com a Polícia Federal

6 JAN 2017
Globo Esporte
15h13min

O futebol argentino viveu momentos de tensão nesta sexta-feira. Depois de uma ligação para o serviço policial, indicando que La Bombonera e Monumental de Nuñez, estádios de Boca Juniors e River Plate, respectivamente, podiam ser alvos de ataques com bombas, começou um intenso trabalho das forças de segurança para analisar o caso. Ambos os estádios foram evacuados e completamente isolados, mas tudo não passou de um alarme falso, de acordo com a Polícia Federal.

Após liberar os locais e garantir que tudo se tratou de um engano, as autoridades da Argentina afirmaram que os avisos que foram passados estão sendo investigados pela Divisão de Ameaças e Intimidações Públicas.

O Boca Juniors divulgou uma nota em seu site oficial informando que o clube retomou as atividades normais após a confirmação de que não havia qualquer risco ou ameaça de bomba. O clube ainda deixou claro que o elenco principal segue com a pré-temporada que está sendo realizada no centro de treinamentos da seleção argentina, em Ezeiza.  

Além dos clubes citados, o aviso sobre ameaça de bomba também informou sobre um possível ataque na sede do governo argentino, a Casa Rosada, em Buenos Aires. O presidente Mauricio Macri e seus principais secretários estão de férias, segundo o diário "Olé", mas os funcionários que estavam no local tiveram que sair para que os policiais pudessem realizar as investigações.

 

Veja também