Menu
sábado, 24 de julho de 2021
PMCG REFIS 16 A 29/07
Algo mais

Com a modernidade, jovens fazem abstinência de internet à cerveja na Quaresma

Ficar sem carne é passado!

16 abril 2014 - 06h10Por Renan Gonzaga

Antigamente o normal era não comer carne durante os 40 dias da quaresma por conta da abstinência que é tradição desde os tempos mais remotos, mas hoje, com a modernidade, tudo mudou. Tem gente que fica sem refrigerante, outros sem internet, uns sem tereré, sem chocolate e até sem a famosa cervejinha. E o esforço, segundo eles, deve ser do tamanho da provação.


Historicamente, a Quaresma é aquele período de quarenta dias de uma das maiores celebrações do cristianismo: a ressurreição de Jesus Cristo, que é celebrada desde o século 4, no domingo. A comemoração começa na quarta-feira de cinzas e termina na quinta-feira da Semana Santa, época em que os católicos se preparam para a Páscoa.


Chocolate é uma das tentações na Quaresma. (Foto: Renan Gonzaga)


Para muitos, é um período de reflexão, conversão espiritual, onde os cristãos fazem orações e penitências para prepararem seus espíritos. “O intuito da Quaresma é você fazer abstinência de uma coisa que você gosta muito, não como uma penitência, mas como uma forma de reflexão em respeito a tudo que Jesus passou”, explica Meyene Duque Weber, de 18 anos.


“Não adianta nada você ficar um tempo sem fazer algo, tem que fazer orações e tudo mais durante esse período, senão você apenas terá ficado 40 dias sem fazer uma coisa”, afirma a jovem, que desde os 5 anos se envolve em atividades na igreja em que frequenta, e que no ano passado bebeu apenas água e neste ano resolveu ficar sem refrigerante.


Muitos jovens deixam de tomar refrigerante também. (Foto: Reprodução/Internet)


Já a jovem Priscila Eufrásio dos Santos escolheu não ingerir bebidas alcoólicas durante o período. “Queria me testar, até que ponto eu aguento. Jogo bola quarta-feira com os amigos e depois já tomamos uma cerveja. Quinta também, na sexta-feira, no sábado e por aí vai... A gente só não bebe mesmo para guardar a segunda-feira”, brinca a professora de Educação Física de 26 anos.


Para ela, a provação seria maior por conta do hábito de beber vários dias na semana, que é quase cultural no país. Porém, Priscila garante que na verdade vê a Quaresma como um período de orar e fazer o bem. E pelo jeito ela, que há 15 anos não toma refrigerante por conta de um promessa, gosta mesmo de “se provar”. “Eu já fiquei sem internet e foi uma coisa de louco”, revela a educadora.


Até o tereré entra na lista das abstinências. (Foto: Renan Gonzaga)


TENTAÇÕES

 

Segundo Meyene, que no ano passado bebeu apenas água durante os 40 dias, e ficou até sem tereré e suco, acredita que as tentações “se fortalecem” neste período. “Parece que quando você entra na Quaresma piora 50 vezes. É difícil, não é fácil e muitas vezes você chega até esquecer porque não tem culpa, é muita tentação”, comenta.

“Eu já fiz de bala, chiclete e pirulito. E outra vez fiz de chocolate também. Mas quase todos os anos eu faço de refrigerante porque é o mais difícil para mim mesmo, é o mais tentador”, complementa Meyene. Já Priscila ressalta a importância ficar o período com a mesma rotina, fazendo as mesmas coisas. “Eu não deixei de frequentar os lugares que eu ia, não deixei de sair para justamente passar por essa provação”, finaliza.

 

Leia Também

Traficantes 'gatinha da Cracolândia', Hello Kitty e Pamela Pantera usavam da beleza para crimes
Geral
Traficantes 'gatinha da Cracolândia', Hello Kitty e Pamela Pantera usavam da beleza para crimes
Frente fria que deixará MS com 1°C vem acompanhada de chuva e geada
Cidades
Frente fria que deixará MS com 1°C vem acompanhada de chuva e geada
Para remake de Pantanal, atriz Bruna Linzmeyer muda visual e revela seu papel
Geral
Para remake de Pantanal, atriz Bruna Linzmeyer muda visual e revela seu papel
Bombeiros combatem incêndio que invadiu casa no Carandá Bosque
Polícia
Bombeiros combatem incêndio que invadiu casa no Carandá Bosque