TCE Novembro
Menu
domingo, 05 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
pmcg revia negocios
Algo mais

Com 200 voluntários, Liga do Bem leva esperança para quem muitas vezes só precisa de um sorriso

O objetivo é distribuir sorrisos; a média é de 40 'missões' por mês

23 outubro 2018 - 09h33Por Nathalia Pelzl

Você já saiu na rua e deu de cara com o seu super-herói favorito? Aqui em Campo Grande isso é bem possível de acontecer.  De repente um encontro inesperado com Homem Aranha, Mulher Maravilha, Homem de Ferro, ou até mesmo o Flash? Pensando bem, esse último seria bem difícil considerando o seu super poder. Então, fique atento e prepare para registrar a cena. É algo provável de acontecer, afinal são mais de 200 voluntários integrantes da 'Liga do Bem’.

A aventura começou pelo Superman! Neste caso, em Campo Grande, o personagem que usa essa fantasia na Liga convidou, em 2013, um pequeno grupo de amigos para montar alguns kits e visitar os pacientes na ala pediátrica da Santa Casa no Dia das Crianças. A arrecadação superou as expectativas, e desde então, a 'Liga do Bem’ se tornou um projeto social independente, sem fins lucrativos. 

Além de distribuírem brinquedos para crianças em tratamento de câncer, os integrantes super-heróis tem algo a mais nessas visitas, O objetivo é distribuir sorrisos, desejar um bom dia, alimentar esperanças, contribuindo com um mundo mais humano e fraterno. O anonimato é uma regra clara entre os próprios integrantes, que só se apresentam com a identidade do personagem escolhido. 

"Quando abordamos os pacientes nos hospitais ou as pessoas visitadas nos asilos e abrigos, nos despimos da nossa identidade civil, e assumimos o personagem ou “totem”: isso quebra o gelo, e facilita a conexão”, comenta Abby Caça Fantasmas, voluntária da Liga do Bem.

Rotina dos heróis

Em média, são 40 missões por mês, com algumas campanhas específicas, como Mc Dia Feliz em prol da AACC-MS, ou campanha de arrecadação de brinquedos para o Natal. O grupo também realiza parcerias com os setores privados, sempre sem fins lucrativos, tudo focado em viabilizar os projetos e campanhas beneficentes.

“Todos os finais de semana, de 6ª feira à domingo, sendo que na 6ª feira são ações fixas, em dois hospitais, e no sábado e domingo, variam de acordo com cronograma acordado com as instituições”, comenta  Abby Caça Fantasmas, voluntária da Liga do Bem.

Além das missões regulares, a LIGA DO BEM acompanha famílias em situação de risco, oferta auxílio para outras ONGs ou Associações e promove projetos visando o bem-estar de cidadãos da comunidade campo-grandenses. 

Voluntariado

Quem quiser fazer parte do time de heróis deve entrar em contato através da fanpage da LIGA DO BEM no Facebook (www.facebook.com/ligadobemcg), ou através do e-mail ligadobemcg@gmail.com. Lembrando que todos os integrantes são devidamente orientados e treinados antes de atuarem como heróis.