Tribunal de Contas
(67) 99826-0686
Camara - marco

Magia do Natal é preservada e garante o sorriso de crianças

Natal

8 NOV 2013
Marithê Lopes
06h00min
Foto: Divulgação

Quem acha que Papai Noel não existe pode estar enganado. O bom velhinho pode não existir fisicamente, mas está muito bem representado na campanha Papai Noel dos Correios. Este projeto, já dura mais de 20 anos, é organizado por 28 diretorias regionais dos Correios em todo país e visa atender todas as cartas que são enviadas ao Papai Noel.

 

Em Campo Grande o clima de Natal já chegou e de acordo com informações de uma das responsáveis pelas cartinhas que chegaram à agência na Capital, Olga Martinez, os padrinhos, a partir de hoje, 8 de novembro, já podem adotar as cartinhas.  O período para adoção vai até o dia 7 de dezembro e a partir disso, até o dia 14 de dezembro será o de recebimento dos presentes. “Esse ano nós recebemos 4.500 cartas e antes de lançarmos a campanha algumas empresas já fizeram suas adoções, garantindo o sorriso das crianças que escreveram ao Noel”, afirma Olga.

 

Como surgiu a campanha

A iniciativa partiu dos funcionários do correio que começaram a receber essas cartas e adotá-las voluntariamente. O Papai Noel dos Correios emergiu com a proposta maior de não acabar coma magia do Natal e, para isso, representou esse objetivo partindo de crianças carentes e na sua crença pelo bom velhinho. "O nosso trabalho é levar o sonho da criança à sociedade, depois trazer o presente das pessoas para as crianças, tornando o sonho uma realidade", esclarece Olga. Ações como essas além de contribuir para o bom exercício da cidadania, mostra que é possível preservar a magia do Natal de um modo justo e gratificante.

 

Quer ser um padrinho? Veja como é fácil.

Quando você chegar até a agência participante, poderá escolher dentre muitas cartinhas, qual mais se identifica com você. Muitas pessoas não participam da campanha por receio de pegar uma carta com um presente que não pode pagar, mas não se preocupe: as crianças pedem presentes de todos os valores e você quem vai escolher dentre todas as cartas, qual pode ajudar. Algumas agências até ajudam a agilizar o processo, grifando com marca texto a parte da carta que fala sobre o presente que a criança quer.

 

Comprou o presente da sua cartinha, embrulhe bonitinho, tipo os funcionários da fábrica de brinquedos do Papai Noel fariam e leve na agência onde você pegou a cartinha que fica na Agência Central dos Correios que fica na Avenida Calógeras, 2309 com atendimento das 8h 30 às 17h. Você precisa comprar o que foi pedido na cartinha, afinal o Papai Noel nunca se engana, mas está liberado complementar o presente caso queira.

 

Veja também