TJMS JANEIRO
Menu
quinta, 20 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Campo Grande

2ª Campanha de Coleta de Materiais Recicláveis arrecada 17 toneladas

21 setembro 2015 - 14h37Por Assessoria de Imprensa

No último sábado (19), na Praça do Rádio, durante o encerramento da 2ª Edição da Campanha de Coleta de Materiais Recicláveis (pet, plástico e latinhas), promovida com o apoio da Prefeitura de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur) e o Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande foi divulgado o total de 29.663 itens arrecadados pelos acadêmicos e alunos das escolas participantes da campanha. Também foram realizadas as apresentações dos resultados das pesquisas e reflexões que permearam todo o processo da campanha.

Totalizando nesta edição 17 mil quilos de materiais recicláveis que poderiam poluir o meio ambiente, foram doados às cooperativas de materiais recicláveis que irão dar um destino ecologicamente correto e evitar impactos ao meio ambiente. O material irá contribuir também para gerar renda para estas famílias que vivem da reciclagem em Campo Grande. Em 2015, foram arrecadados quatro vezes mais materiais recicláveis com relação à campanha do ano anterior.

O resultado demonstrou o empenho e participação de todos os envolvidos, num processo que envolveu universidade, escolas e a comunidade que por meio de palestras e rodas de conversas acerca da temática ambiental e resíduos sólidos, pôde efetivamente realizar um trabalho concreto de educação ambiental.

No final da campanha, também houve a premiação com entrega de troféu para a escola que arrecadou maior quantidade de resíduos, sendo o primeiro colocado o Colégio Ambiental. Além dessa premiação, os alunos que mais contribuíram no recolhimento também foram premiados com tablets. Os pontos de recolhimento de resíduos foram instalados nas escolas municipais Prof. Alcídio Pimentel, Irmã Irma Zorzi, José Rodrigues Benfica, Professor Fauze Scaff Gattass Filho e no Colégio Ambiental.

O objetivo da campanha foi chamar a atenção da comunidade sobre os resíduos, seus impactos e a busca por soluções ambientais que abrangem logística, reciclagem e geração de renda para as famílias que trabalham nas cooperativas de materiais recicláveis.

Para a chefe da Divisão de Fiscalização de Políticas Sustentáveis e Educação Ambiental da Semadur, Aparecida Cristina Piccolo, a culminância deste trabalho promove a interação de diferentes setores que juntos somam esforços na proteção do meio ambiente “A campanha integrou uma série de ações, envolvendo diversos parceiros que, juntos, alcançaram o mesmo objetivo, o de promover a conscientização por meio da Educação Ambiental, resultando assim em ações efetivamente concretas”, ressaltou.