tce janeiro
CNH - MOTO
Menu
sexta, 28 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Campo Grande

Em enquete, população 'clama' por rompimento de contrato com Solurb

07 dezembro 2015 - 14h18Por Dany Nascimento

Ao tomar conhecimento de que a Polícia Federal constatou que o Consórcio CG Solurb não tinha condições de vencer as licitações para prestar serviços ao município, os leitores do TopMídiaNews se posicionaram contra o contrato do Executivo com a empresa. Em enquete, 85% deles votaram pelo rompimento do contrato, que custa R$ 14 milhões mensais para os cofres públicos.

A empresa vive em 'conflito' com o atual gestor do Município, Alcides Bernal (PP) e a população solicita que o prefeito cancele contrato com a Solurb. Apenas 5% dos leitores votaram pela continuação do contrato e 10% dos leitores acreditam que a prefeitura deveria pedir que a empresa abaixe o valor recebido da prefeitura.

Os peritos da PF constataram que a empresa não possuíam o patrimônio mínimo exigido para habilitação no processo licitatório dando abertura para um possível rompimento de contrato.

Isso significa que o Consórcio CG Solurb não poderia prosseguir na licitação, muito menos ser declarado vencedor, por não cumprimento das exigências do edital, mas continua efetuando os trabalhos de coleta de lixo pelas ruas da Capital.