TCE Novembro
TJMS DEZEMBRO
Menu
sexta, 03 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Campo Grande

Encontro entre Reinaldo e Bernal destrava R$ 8,5 milhões para obras

04 abril 2016 - 13h13Por Mariana Anunciação e Dany Nascimento

A reunião entre o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e o prefeito Alcides Bernal (PP) resultou na liberação de R$ 8,5 milhões para obras públicas que estavam parados nos cofres da prefeitura desde a gestão anterior. O encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira (4), na sede da Governadoria.

Entre os assuntos em pauta, estava a Guia de Diretrizes Urbanísticas (GDU), em que o município solicita a duplicação da Avenida Euler de Azevedo; além do destino de R$ 8 milhões que o Município teria que devolver ao Estado por conta de projeto não executado pelo gestor antigo, Gilmar Olarte (PP por liminar), que deveria ser investido em estradas vicinais e pontes.

Bernal relatou que não sabia se poderia utilizar o recurso. “Tivemos uma reunião de trabalho muito proveitosa. Agora, temos recursos para investirmos em estradas vicinais e pontes. Viemos tratar desse R$ 8,5 milhões porque não sabíamos se podíamos utilizar da forma como foi deixado. O valor era alto para o tamanho do serviço. O governador sinalizou de forma positiva”, destacou.

Diante disto, o prefeito anunciou que deverá ampliar os quilômetros de estradas a serem recapeadas ou asfaltadas. Em relação à GDU, ele contou que recebeu no mês de fevereiro e veio só agora apresentar para o governador. “Nossa equipe técnica deve se reunir com a equipe técnica do Governo do Estado para definirmos os próximos passos. O Governador prometeu acelerar a parte burocrática”, informou.

A imprensa aproveitou a oportunidade para questioná-lo se tinha ciência de entidades comparecendo à Câmara Municipal para reclamar de dívidas da prefeitura. “Qualquer entidade que tiver alguma reivindicação a fazer, deve se deslocar até a prefeitura, porque a ordem é que, qualquer problema desse tipo, seja solucionado imediatamente”, destacou.

Também participou do encontro o coordenador de campanha e ex-secretário municipal de Governo, Paulo Pedra.