TCE Novembro
TJMS DEZEMBRO
Menu
sexta, 03 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
pmcg revia negocios
Campo Grande

Governo faz proposta de reajuste de 4,6% durante Fórum

31 março 2016 - 13h03Por Mariana Anunciação e Dany Nascimento

Com clima tenso nesta manhã (31), o Governo apresentou a proposta de reajuste salarial a cerca de 40 entidades sindicais, representando os servidores estaduais, em reunião na Secretaria de Administração e Desburocratização (SAD), junto com a vice-governadora e secretária da Sedhast (Secretaria de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho), Rose Modesto, e com demais secretários.


Enquanto os servidores almejam uma reajuste de 16,04%, por conta do déficit desde 2014, o secretário de Estado de Administração, Carlos Alberto de de Assis, mostrou uma realidade completamente diferente, durante o Fórum de diálogo. “Quem ganha menos terá um aumento maior. A ideia é favorecer quem tem salário baixo. Nossa proposta é de 4,6%”,contou.


No momento em que revelou valor, Assis acabou sendo vaiado pelos membros do sindicato. Ele ficou nervoso e interrompeu a coletiva de imprensa, por determinado tempo, mas depois voltou a explicar que as negociações não terminaram.  “Não irá parar por aí. Hoje estamos discutindo, mas as conversas continuam. O Estado fará uma agenda com cada categoria para saber o que poderá fazer”, destacou.  


Já o secretário de Estado de Governo e Gestão Estratégica, o produtor rural, Eduardo Riedel, enfatizou a crise generalisada. “Vários estados estão em atraso com os servidores, porque o país passa por uma crise. Não podemos olhar o reajuste descolado do orçamento financeiro. Queremos privilegiar quem ganha menos, porque consideramos essa a forma mais justa. É a nossa proposta, mas estamos abertos para continuarmos ouvindo as categorias. Oferecemos como forma de abono por ter características específicas e traz mais dinheiro no bolso do servidor, já que o reajuste geral tem encargos”, explicou.


Ambos contaram ainda, que as negociações a portas fechadas seguem tranquilas, apesar de saberem que quem ganha mais, não gostou da prosposta. Mesmo assim, os secretários garantem que a reação é amistosa e de diálogo.