TJMS JANEIRO
Menu
quinta, 20 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Campo Grande

Secretário de Saúde denuncia Solurb por aumento de rotavírus em Campo Grande

Queda de braço

05 novembro 2015 - 09h48Por Anna Gomes e Rodson Willyans

O secretário de saúde da Capital, Ivandro Fonseca, garantiu que após 'toda greve do lixo' a prefeitura protocolou denúncia no Ministério Público Estadual contra a concessionária CG Solurb, responsável pela coleta de lixo em Campo Grande. A queixa seria o aumento da doença rotavírus, devido à falta de higiene que a Capital enfrentou nos últimos meses.

Fonseca destaca que, com o lixo parado sem ser recolhido nas residências, o número de pessoas infectadas pelo vírus disparou na cidade. O secretário acredita que este acréscimo de pacientes tem como causa a greve e resolveu denunciar a Solurb.

O rotavírus é uma doença causada por sete tipos diferentes de sorotipos, que são antigêncios diferentes, mas da mesma espécie microbiana. Porém, apenas três infectam o ser humano. Os principais sintomas são diarréia - que pode levar a desidratação -, vômitos e febre, além de problemas respiratórios, como coriza e tosse.

A transmissão pode ser fecal-oral ou seja, o vírus é eliminado nas fezes do paciente, contamina a água ou alimentos, e pode entrar em contato com a pessoa através das mãos.

As principais medidas para evitar a rotavirose é a higiene das mãos, que pode ser feita com água e sabão ou álcool-gel, principalmente antes das refeições e após o banheiro. Além disso, ingerir sempre alimentos bem higienizados e água tratada é fundamental.