TJMS JANEIRO
Menu
domingo, 23 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Campo Grande

Solurb só recolhe lixo hospitalar e deixa bairros da Capital 'pra depois'

Novela do lixo

16 outubro 2015 - 15h32Por Anna Gomes

A concessionária CG Solurb, responsável pela coleta de lixo de Campo Grande está recolhendo apenas o lixo hospitalar nesta sexta-feira (16). Segundo uma denúncia que chegou até a redação do TopMídiaNews, hoje nenhum bairro da Capital vai ter o lixo recolhido.

Enquanto isso, a 'novela do lixo' continua, e quem sofre, além dos funcionários da empresa que não recebem há cerca de 90 dias, é a população que fica 'ilhada' em meio a toda sujeira que a cidade se encontra.

Os funcionários da Solurb já fizeram duas greves neste ano por falta de pagamento e pelo visto a queda de braço entre prefeitura e concessionária ainda não tem previsão para acabar. A Justiça até determinou o bloqueio de quase R$ 20 milhões da prefeitura para garantir o pagamento à empresa, mas ainda conforme a denúncia, falta até combustível para os veículos da Solurb fazerem a coleta.

 Lixo acumula e população pede solução. Foto: Geovanni Gomes

Nesta sexta-feira, a nossa equipe de reportagem percorreu as ruas e avenidas de Campo Grande. Muitos locais ainda se encontram com lixo acumulado, tanto nas frentes das residências, como em terrenos abandonados.

A dona de casa, Isabel Galeano, 56 anos, é moradora do Bairro Cidade Morena, região sul da Capital e diz que antigamente os caminhões passavam para recolher nos mesmos dias e nos horários. Agora, depois de toda essa confusão, tudo está bem diferente.

 

 A dona de casa reclama do mau cheiro que fica em frente da casa onde mora. Foto:Geovanni Gomes

"Não tem mais hora e nem dia  certo, às vezes pensamos que vai passar, não passa. Está uma bagunça e a coleta de lixo é um serviço fundamental para a saúde e bem estar da população.

No caminho de um bairro para o outro, encontramos o caminhão da concessionária que estava recolhendo o lixo hospitalar de uma Unidade de Saúde. Os funcionários confirmaram que apenas dois caminhões coletam este tipo de lixo e que foram os únicos a saírem da empresa na manhã de hoje.

 Terrenos ficam tomados pela sujeira. Foto: Geovanni Gomes

Já em outro bairro, no Jerusalém, é 'comum' encontrar muita sujeira acumulada nos terrenos baldios. Moradores dizem que depois da primeira greve dos trabalhadores da Solurb, o lixo ficou muito acumulado e a população, cansada de esperar, acabava jogando as sujeiras em áreas abandonadas.

 

Bairro Moreninhas na manhã desta sexta-feira. Foto: Geovanni Gomes

A equipe de reportagem entrou em contato com a concessionária Solurb, mas a mesma disse que o superintendente da empresa poderia dar uma resposta apenas no final da tarde desta sexta-feira, ou seja, até o fechamento desta matéria, não conseguimos uma resposta.