TCE Novembro
Menu
segunda, 29 de novembro de 2021 Campo Grande/MS
CAMARA - vacinaçao
Campo Grande

Após incêndio, clima é de tristeza aos arredores de hotel tradicional em Campo Grande

Comerciantes que presenciaram funcionários deixando o local aos prantos contam detalhes do desespero ao ver as chamas

11 dezembro 2018 - 15h10Por Dany Nascimento

O clima desta terça-feira (11) é de tristeza entre os vizinhos do Hotel Nacional na Rua Dom Aquino, no bairro Amambaí, em Campo Grande. Os comerciantes que presenciaram o incêndio na tarde de ontem (10) estão chocados com o ocorrido, mas aliviados pelo acidente não ter feito nenhuma vítima, deixando apenas danos materiais.

A atendente de uma loja de acrílicos ao lado do hotel, Giovana Francesca Reis Lazzaro, 18 anos, afirma que mesmo sentindo forte cheiro de queimado, não percebeu que o hotel estava em chamas. “Eu não percebi que estava pegando fogo, eu senti um cheiro forte de queimado só que pensei que eram os usuários que ficam ao redor da rodoviária antiga. Não imaginava que estava pegando fogo no hotel”.

Ela afirma que só percebeu que algo estava errado quando viu a grande movimentação de pessoas passando correndo na frente da loja. “Eu só percebi quando vi muitas pessoas aqui na frente. Daí sai e vi que o terceiro andar estava pegando fogo. As chamas eram bem fortes, todo mundo estava muito assustado”.

Giovana destaca que o dono da loja ficou desesperado, já que os botijões de gás do hotel ficam encostados no muro que divide os comércios. “Meu patrão ficou muito assustado, com medo das chamas. Depois que o Corpo de Bombeiros apagou o fogo, fechamos a loja. Hoje dá para ver que queimou o terceiro andar todo”.

Valério Araújo, 38 anos, que atua há 5 anos em uma loja de vidros na frente do hotel disse ao TopMídiaNews que viu os funcionários saindo correndo quando as chamas começaram. “Saiu umas quinze pessoas lá de dentro correndo. O bom é que o Corpo de Bombeiros chegou rápido no local e conseguiu conter o fogo. Infelizmente ficamos sem poder fazer nada, vendo tudo ser destruído pelo fogo. Como tinha colchões, cortinas, carpete, o fogo foi ficando maior, todo mundo ficou muito assustado e preocupado”.

O atendente explica que os outros andares escaparam do fogo porque as chamas tiveram início no terceiro andar. “Como começou lá em cima, não atingiu os outros andares. Se fosse debaixo para cima, seria muito pior. É triste ver isso, um hotel que atua há anos na cidade sendo engolido pelas chamas”.

O TopMídiaNews tentou contato com a proprietária do local, mas o recepcionista afirmou que ela não estava e que ele não estava autorizado a dar informações sobre os prejuízos sofridos.