Menu
segunda, 01 de março de 2021
Cidade Morena

A dor é imensa! Família de morto em assalto quer que bandidos paguem pelo crime; assista

Trabalhador havia acabado de comprar carro quando bandidos o atacaram na porta de casa e o esfaquearam no pescoço

06 novembro 2020 - 11h00Por Rayani Santa Cruz e Willian Leite

O velório de Jedson Oliveira Brandão, 21 anos, que foi morto na noite de quarta-feira (4), ao reagir a um assalto no Jardim Monumento, em Campo Grande foi marcado por parentes e amigos revoltados com a situação. 

O jovem trabalhador havia acabado de realizar o sonho de comprar um carro e ao abrir a garagem para guardar o veículo foi abordado por dois homens de moto. Um deles esfaqueou o rapaz no pescoço, que, minutos depois, morreu sentado em uma cadeira. 

Hoje, a mãe inconsolável teve vários desmaios e obviamente está revoltada com a perda do único filho.

A amiga de infância Lorena Antunes, 20 anos, disse que a família dela e a dele moravam na Fazenda Itamarati e cresceram juntos. Ao ficarem adultos, os dois vieram para Campo Grande, ela casou-se, mas Jedson sempre visitava a mãe dela.

“Era uma pessoa fantástica e ajudava muito quem precisa. Eu falei com ele no Dia de Finados quando ele foi visitar o túmulo do meu irmão, que morreu de acidente de moto há um ano. Ele me ligou perguntando onde era o túmulo, pois não conseguiu ir ao dia do sepultamento, eles eram melhores amigos” disse.

Questionada sobre o sentimento, Lorena disse ser de raiva. “Nós batalhamos tanto e vem um bandido e tira, além de tirar a vida do meu amigo. O que mais quero é que eles paguem pelo que fizeram”.

O tio de Jedson, Josvanildo da Silva, 47 anos, afirmou que o rapaz compartilhava tudo que tinha e, apesar de ser novo em idade, era referência na família. “Ele era muito trabalhador e conseguiu comprar o carro, que infelizmente foi o que motivou a perda da vida dele. Meu sentimento é de uma perda irreparável. Ele ajudava a mãe dele, era filho único e não sabemos como ela vai suportar isso”.  

“Estamos revoltados, ele saiu para colocar o carro para dentro e vem dois bandidos, esfaqueia no pescoço e ele volta para o colo da mãe quase morto e perdendo a vida”, finaliza o tio. 

Vídeo: