Menu
quinta, 29 de julho de 2021
SEGOV - MICROCREDITO 27 A 29/07
Cidade Morena

Após cancelar show do NX Zero na Capital, organizadores de festival têm bens bloqueados

Justiça determinou o bloqueio do dinheiro para restituir valor dos ingressos comprados por fãs

10 novembro 2016 - 10h14Por Diana Christie

O juiz David de Oliveira Gomes Filho determinou o bloqueio de R$ 20.285,00 dos organizadores do evento "Holi Joy - Festival das Cores" para garantir a devolução dos valores pagos pelos consumidores que compraram os ingressos do show, que foi cancelado. O evento organizado pela Imagem Assessoria de Comunicação Ltda.-ME, a Show Brasil, do empresário Renier Martins Colombo, contaria com apresentação da banda NX Zero.

De acordo com o MPE (Ministério Público Estadual), o evento seria realizado em 15 de maio no Parque das Nações Indígenas, mas foi adiado para o dia 29 de maio, a ser realizado na Praça do Papa. Depois, o show foi cancelado “sob a alegação de má previsão meteorológica para a data, sem a devolução por parte dos organizadores do evento dos valores referentes à compra dos ingressos aos consumidores”.

“A empresa teria informado que faria a devolução dos valores no dia 27/6/2016, no PROCON/MS, entretanto, o próprio órgão informou ao Ministério Público Estadual que essa informação não era verdadeira. Em seguida a empresa noticiou que a devolução dos valores seria feita no dia 27/6/2016, no Jd. Leblon, entretanto, tal devolução também não aconteceu. Por fim, pelo Facebook a empresa teria dito que devolveria os valores em 12/8/2016, porém, mais uma vez, a promessa não foi cumprida”, diz a assessoria do órgão.

Para os consumidores que foram lesados, o MPE orienta que procurem a 25ª Promotoria de Justiça, com o ingresso individual ou qualquer outro meio de prova, para informarem nome completo, telefone, e-mail e endereço para cadastro. Se a Justiça considerar que os organizadores são culpados, as pessoas que compraram ingressos podem ser ressarcidas com juros e correções monetárias, além de serem indenizadas moralmente.

Leia Também

Tá caro né? Preço do corte da carne varia até 189% em Campo Grande
Cidade Morena
Tá caro né? Preço do corte da carne varia até 189% em Campo Grande
Riedel visita Bombeiros e autoriza recapeamento de via em Rio Brilhante
Interior
Riedel visita Bombeiros e autoriza recapeamento de via em Rio Brilhante
Chuvas podem aparecer no final de semana que será de mais frio em MS
Cidades
Chuvas podem aparecer no final de semana que será de mais frio em MS
Homem morre e mulheres se ferem em disputa de racha em SP
Geral
Homem morre e mulheres se ferem em disputa de racha em SP