TCE 21 a 27/06/2021
Menu
quinta, 24 de junho de 2021
FEMINICIDIO 23/06 a 24/06/2021
MEDIDAS RESTRITIVAS 19/06 a 27/06/2021
Cidade Morena

Campanha alerta para segurança e infração da fila dupla no período de volta às aulas

A campanha usará recursos como teatro e abordagem educativa na porta das escolas, com a participação do grupo Chico Maria

31 janeiro 2019 - 16h32Por PMCG

 A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Agetran, da Polícia Municipal  e com apoio do Gabinete de Gestão Integrada do Vida no trânsito (GGIT), dá início na segunda-feira (04.02) à Campanha Volta às Aulas com ações de abordagem e educação nas proximidades das escolas da Capital. As atividades acontecem, principalmente, nos horários de entrada e saída dos alunos e também contam com a participação do Bpmtran, Detran/MS e Polícia Civil.

De acordo com a programação, a campanha terá início com as escolas particulares, muitas já começam as aulas na segunda-feira (04). Na quinta-feira (07), as ações prosseguem nas escolas municipais quando começam as atividades escolares e no dia 18 será a vez das escolas estaduais.

A Campanha educativa sob a responsabilidade da equipe de Educação para o Trânsito da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran) usará recursos como teatro e abordagem educativa na porta das escolas, com a participação do grupo Chico Maria. A intenção é chamar a atenção dos pais e responsáveis para o cumprimento de regras básicas de educação trânsito. Para a chefe da Educação para o Trânsito da Agetran, Ivanise Rotta, é sempre possível resolver parte do conflito no trânsito em frente das escolas a partir do momento que a consciência de cada um faça cumprir as regras que geram um trânsito seguro”, destacou

Fila Dupla

Ivanise avalia que os problemas só acontecem porque existe o descumprimento das normas. “Todos os anos nossa orientação é a mesma e, infelizmente, as infrações persistem”, argumenta Ivanise. As orientações continuam para que os pais busquem um local para estacionar o veículo e desembarcar ou embarcar os alunos de forma segura, evitando a fila dupla. Outro ponto importante será a observação do uso de equipamentos como cadeirinha, capacete e cinto de segurança não só no banco do carona, mas também no banco traseiro.

Outras orientações também se referem a redução da velocidade do veículo na área escolar e a proibição do uso de celular enquanto o veículo está em movimento, infração que tem causado acidentes. “No caso da fila dupla, a desculpa dos pais é a pressa e nós orientamos que saiam mais cedo de casa e aproveitem com calma esse momento de ida à escola com o filho”, comenta Ivanise.

Faixa de Pedestre

A chefe da Educação para o Trânsito complementa que durante a campanha é feito ainda o alerta para a travessia na faixa de pedestre e o cuidado do pedestre atravessar na via em linha reta, com passos firmes e atenção.  “Tem pessoas que atravessam a rua distraídas, outras falando ao celular, um comportamento perigoso que pode levar a um atropelamento”, observa.

“A educação para o trânsito só obtém resultados satisfatórios na mudança de comportamento do motorista, do motociclista, do ciclista e do pedestre quando é trabalhada”, adverte. Ivanise completa ainda que as atitudes corretas, principalmente, nas portas das escolas em horários de entrada e saída dos alunos evitam conflitos, maus entendidos e estresse. “O  trânsito é um espaço coletivo e não podemos supor que o meu problema ou minha pressa seja mais importante que a do outro”, concluiu.

Leia Também

Por 4x3, jurados absolvem tenente-coronel que matou marido PM em Campo Grande
Cidade Morena
Por 4x3, jurados absolvem tenente-coronel que matou marido PM em Campo Grande
Campo Grande aplica 2ª dose de vacinas contra covid nesta quinta-feira
Cidade Morena
Campo Grande aplica 2ª dose de vacinas contra covid nesta quinta-feira
Família evita detalhes sobre bebê que engoliu pedra de crack do pai
Geral
Família evita detalhes sobre bebê que engoliu pedra de crack do pai
Brasil atinge marca de 507 mil mortos pela covid nesta quarta-feira
Geral
Brasil atinge marca de 507 mil mortos pela covid nesta quarta-feira