Menu
quarta, 28 de outubro de 2020
Cidade Morena

Carlos Eduardo foi terceira vítima da curva da morte na Salgado Filho

Trânsito de Campo Grande segue matando mês após mês

26 setembro 2020 - 09h30Por Vinícius Squinelo e Willian Leite

A tragédia que vitimou Carlos Eduardo Souza de Lima, 22 anos, que morreu na madrugada deste sábado (22), não foi a primeira no encontro entre as avenidas Noroeste e Salgado Filho. Somente um morador da região já presenciou três óbitos na chamada curva da morte.

“Eu ouvi um barulho e saí, infelizmente eu que confirmei que o rapaz não tinha mais sinais vitais”, relatou o estoquista Meckerson Pereira, 31, lembrando a triste madrugada, com o acidente por volta das 1h.

Meckerson, que é morador da região há dez anos, relata uma triste estatística: só ele já presenciou três mortes na curva da morte. “É muito perigoso, principalmente de madrugada”, resume.

Conforme investigação preliminar, Carlos conduzia uma moto Honda Titan. Placa HTM--6780, quando perdeu o controle ao tentar fazer uma curva próximo na esquina da Salgado Filho com a avenida Noroeste. Ele foi ‘arremessado’ a bateu direto em uma árvore, gerando traumatismo craniado.

Carlos foi identificado pelo padrasto. A perícia foi chamada e a Polícia Civil registrou o caso.

Leia Também

Sinpol apoia combate à covid e vai fazer testes em policiais no feriadão em Bonito
Cidades
Sinpol apoia combate à covid e vai fazer testes em policiais no feriadão em Bonito
Juiz nega recurso e mantém candidatura do PCO barrada em Campo Grande
Cidade Morena
Juiz nega recurso e mantém candidatura do PCO barrada em Campo Grande
Apesar da promessa, governo diz que não tem previsão de pagar 13º do Bolsa Família
Geral
Apesar da promessa, governo diz que não tem previsão de pagar 13º do Bolsa Família
Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande
Cidade Morena
Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande