Menu
domingo, 25 de outubro de 2020
Cidade Morena

Castração de felinos no CCZ está de volta; saiba como agendar

Para o cadastro basta o usuário preencher corretamente os dados de endereço, e-mail e número do documento

25 setembro 2020 - 12h20Por Dany Nascimento

O agendamento on-line para castração de gatos no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) voltou a ser realizado normalmente, em Campo Grande.

Em março, o serviço estava suspenso devido à pandemia do coronavírus.  O interessado em cadastrar o animalzinho para passar pelo procedimento deve acessar o site www.campogrande.ms.gov.br/ccz/ e preencher os requisitos. O agendamento é feito todo dia 20 de cada mês 

Confira a quantidade de vagas ofertadas para o mês de outubro:

CADASTRO

Para o cadastro, basta o usuário preencher corretamente os dados de endereço, e-mail e número do documento. Para os animais, as informações são de sexo, idade e peso. Através da senha, o cidadão pode escolher uma das datas disponíveis e acessar conforme a necessidade.

Ao comparecer na data agendada para a cirurgia, o cidadão deverá apresentar o comprovante de residência, documentos pessoais, a guia de pagamento do microchip quitado e o protocolo gerado no ato do agendamento on line.

REGRAS:

Para a castração, o animal não pode ter menos de 6 meses nem pesar menos de 2 quilos. 

No dia do procedimento devem ser apresentados comprovante de residência, documentos utilizados no cadastro que comprovem o agendamento.

 

 

Leia Também

Morto por advogado no trânsito, PM já foi preso por 'matar serviço' e dirigir para app
Cidade Morena
Morto por advogado no trânsito, PM já foi preso por 'matar serviço' e dirigir para app
Mulher é multada em R$ 10 mil por tráfico de filhotes de papagaio
Polícia
Mulher é multada em R$ 10 mil por tráfico de filhotes de papagaio
Auxílio emergencial é depositado neste domingo para 3,7 milhões
Geral
Auxílio emergencial é depositado neste domingo para 3,7 milhões
Mais sete pessoas morrem e coronavírus segue avançando em MS
CORONAVÍRUS
Mais sete pessoas morrem e coronavírus segue avançando em MS