Menu
domingo, 29 de novembro de 2020
Cidade Morena

Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande

Também falaram da falta de segurança nas periferias

27 outubro 2020 - 19h49Por Thiago de Souza

Candidatos a prefeito de Campo Grande fizeram compromissos com o eleitor no horário eleitoral da noite desta terça-feira (28). Eles falaram da situação dos distritos da cidade, além dos corredores de ônibus nas vias da Capital. 

Sergio Harfouche, do Avante, disse que justiça e igualdade vão nortear a gestão. Disse que vai promover cidadania e desenvolvimento. 

O candidato Marcelo Bluma, PV, destacou que vai priorizar o asfalto e implantar mais quilômetros em bairros. 

Esacheu Nascimento, Progressistas, repetiu programa onde fala de segurança pública. Ele falou que vai criar patrulhas da guarda municipal para trazer mais segurança. Destacou que segurança é um direito do cidadão. 

Paulo Matos, do PSC, declarou que vai criar um programa de renda mínima, criar seis restaurantes populares, além de investir no microcrédito.

Guto Scarpanti, do Novo, prometeu priorizar a saúde e zerar filas. Para isso vai estabelecer convênio com hospitais privados. 

O candidato Dagoberto Nogueira, do PDT, cedeu o espaço para a vice, Kelly Costa, que citou a desigualdade entre homens e mulheres nas secretarias municipais. Disse que 50% das pastas serão ocupadas por mulheres. Dagoberto disse que as mulheres podem fazer grande diferença na administração. 

Marcio Fernandes, do MDB, falou do ciclo de desenvolvimento aplicado pelo partido na cidade. André Puccinelli reforçou o compromisso do candidato. 

Marcelo Miglioli, do Solidariedade, garante que vai cortar despesas em secretarias e investir na construção de casas. Disse que moradia é um direito de toda a família. 

Delegada Sidneia Tobias, do Podemos, disse que a Cultura não recebe nem 1% da prefeitura, mas que na gestão dela haverá recursos para investir na área. 

Cris Duarte, do Psol, prometeu reduzir a tarifa de transporte público, exigir nova frota e melhorar o transporte.

João Henrique, do PL, prometeu hospital público veterinário e projeto de cuidados com os animais, além de campanhas de castração gratuitas. 

Pedro Kemp, do PT, citou o descaso da prefeitura com os distritos de Anhanduí e Rochedinho. Disse que o governo dele vai cuidar da saúde, infraestrutura, além de promover microcrédito para os produtores rurais. Promete também criar a agroindústria. 

O candidato Vinicius Siqueira, do PSL, falou que vai implementar a concorrência no transporte público. Ele pretende que empresas disputem a preferência dos passageiros, oferecendo melhor serviço e tarifas mais baratas. Promete pesquisa de satisfação com os passageiros e a empresa que estiver ruim vai perder linhas, ao passo que as mais bem avaliadas ganharão linhas. 

Marquinhos Trad, do PSD, citou o Reviva Campo Grande e promete avançar com o projeto de recapeamento e modernização em 80 quadras da região central. Também falou dos corredores de ônibus na Brilhante, na Rua Bahia e Calógeras. 
O candidato disse que o modelo de corredor de ônibus já foi testado e aprovado em outras capitais. 

Leia Também

Brasil tem novas 587 mortes pelo covid em 24h
CORONAVÍRUS
Brasil tem novas 587 mortes pelo covid em 24h
Final Feliz! Seu Manoel é encontrado pela Polícia Civil e família agradece ajuda de todos
Cidade Morena
Final Feliz! Seu Manoel é encontrado pela Polícia Civil e família agradece ajuda de todos
Silvio Pitu promete mandato participativo e qualidade ao invés de quantidade
Política
Silvio Pitu promete mandato participativo e qualidade ao invés de quantidade
Após término com Luan Santana, Jade Magalhães para de segui-lo nas redes sociais
Geral
Após término com Luan Santana, Jade Magalhães para de segui-lo nas redes sociais