TCE MAIO
(67) 99826-0686
Camara Maio

Escritor lança livro sobre sexualidade a partir de referências do filósofo Michel Foucault

Evento acontece, no sábado (12), às 19h30, no plenário da Câmara Municipal de Campo Grande

11 NOV 2016
Thiago de Souza
15h00min
Escritor lança livro a partir de referências de Michel Foucault Foto: Divulgação

O escritor Miguel Gomes Filho, lança, nesse sábado (12), às 19h30, no plenário da Câmara Municipal de Campo Grande, o livro (Homo) Sexualidades e Foucault - Para o Cuidado de Si Mesmo.

Gomes Filho é doutor e mestre pela UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e utiliza no livro o referencial teórico metodológico do filósofo francês, Michel Foucault, para investigar os discursos de verdade sobre (homo) sexualidade. 

A obra, segundo o coordenador da Cátedra Unesco/UFGD "Diversidade Cultural, Gênero e Fronteiras", Losandro Antonio Tedeschi, "apresenta as possibilidades da constituição da sexualidade como forma de manifestação de desejos, modos de vida e estética da existência, e ainda analisa o contraponto entre normalização e espaços de liberdades existentes na práticas de si''. 

Miguel abre o livro com o tema Entrelaçando Gênero e Sexualidade, onde vai falar sobre a dominação masculina e a heteronormatividade: violência sexista e homofóbica. 

Nas palavras de  Losandro  Tedeschi , prefaciador da obra, "Miguel ao questionar sobre o padrão de subjetividade produzido pelos saberes-poderes, toma em mãos a análise crítica do mundo que foi empreendida por Foucault, como uma tarefa filosófica desconstrutiva, ''levando-nos a pensar na grande pergunta da humanidade 'Quem somos nós?''.

O autor

Miguel Gomes Filho é natural de Fátima do Sul, graduado em filosofia pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco ) em Campo Grande,  e especialista em Prática Docente no Ensino Superior e uso das Tecnologias pela UNAES (Campo Grande). É também especialista em Filosofia Clínica pela Faculdade Padre João Bagozzi (Curitiba) e Instituto Packter  (Porto Alegre).  Filho atuou na educação básica na rede estadual de ensino e por mais de dez anos no ensino superior  privado em MS. 

 

* Matéria editada às 09h03 de 11/11/16 para correção de informações

Veja também