TCE ABRIL 16 A 22/04
Menu
quarta, 21 de abril de 2021
MS MAIS SOCIAL 21 E 22/04
Cidade Morena

Festança em chácara de Campo Grande é promovida nas redes sociais no pico da covid

Fôlder da festa está sendo compartilhado nas redes sociais e gera nova onda de preocupação com aglomerações; convite desrespeita toque de recolher

05 março 2021 - 07h00Por Vinicius Costa

Nas redes sociais, as atenções estão voltadas para uma verdadeira festança, que promete reunir muitas pessoas em pleno pico da pandemia no Mato Grosso do Sul. Nomeada como 'Off dos Cafajestes' e 'Fuck Baby, o Baile', os eventos estão programados para o dia 6 de março, em Campo Grande.

"Sabadão temos o evento mais esperado de todos. Estão prontos para os 2 eventos que fizeram a junção para alegrar e divertir nosso público lindo", diz a mensagem nas redes sociais.

De acordo com o fôlder, a festa começa a partir das 23 horas na Chácara Campo Verde, depois do início do toque de recolher adotado para reduzir o número de pessoas nas ruas e garanti proteção contra o novo coronavírus. A festa contará com DJ's, boate automotiva e outras atrações que deixariam o evento com uma cara de 'bailão'.

O promotor do evento ainda pede maior divulgação para que mais pessoas possam ver o convite da festa.

Além de incitar a aglomeração, a festa compartilhará bebidas alcoólicas, piscina e muito mais.

O que diz a Guarda Civil

A Guarda Civil Metropolitana informa que, em caso de festas que gerem aglomerações, a pessoa precisa denunciar o evento pelo telefone 153.

A instituição ainda ressalta que, quando houver a reclamação, o denunciante informe corretamente o local da festa, como rua, numeração e até referências próximas para melhorar o deslocamento da equipe.

Nestes casos, quando a pessoa estiver em dúvida sobre estar ou não acontecendo uma festa, a dica é verificar e ir até o local para ter garantia que o possível evento esteja desrespeitando os protocolos de biossegurança contra a covid-19.

Covid em MS

Um novo boletim epidemiológico foi divulgado nesta quinta-feira (4), com a confirmação de 19 mortes provocadas pelo novo coronavírus, em Mato Grosso do Sul.

Campo Grande continua liderando no número de óbitos, com 1.493 mortes confirmadas. 

Mato Grosso do Sul passa a ter 3.393 mortes pela doença. Outros 995 casos foram confirmados em 24 horas.