tjms julho
Menu
Busca quinta, 09 de julho de 2020
MS DIGITAL - COMPET
Cidade Morena

Fiscalização intensa nas barreiras sanitárias é para evitar colapso, pontua Trad

Prefeito reforçou que, apesar do aumento no número de casos, apenas 8 mortes foram registradas na Capital

29 junho 2020 - 13h40Por Nathalia Pelzl
Fiscalização intensa nas barreiras sanitárias é para evitar colapso, pontua Trad

As fiscalizações nas barreiras sanitárias instaladas nas saídas para São Paulo, Três Lagoas e Sidrolândia, com o objetivo de orientar motoristas e passageiros sobre as medidas de prevenção ao coronavírus, identificar e testar casos suspeitos, serão intensificadas.

A informação é foi reforçada pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD), durante transmissão no Facebook. A previsão inicial era encerrar os trabalhos nas barreiras no dia 22, mas devido aos resultados positivos e necessidade de manter a vigilância dos principais acessos à cidade, as fiscalizações foram estendidas.

“Estamos intensamente nas barreiras sanitárias, a gente começa a reparar que embora o aumento no número de casos exista dentro da nossa cidade, o número de óbitos, ainda ficou no patamar de 8. Olha como são as coisas, nós tivemos 150 casos a mais neste final de semana, sendo 53 em Campo Grande, e tivemos 5 mortes e nenhuma aqui, por isso estamos intensificando a fiscalização, os casos, em sua maioria estão vindo do interior”.

Segundo ele, não pode negar atendimento de saúde há ninguém, entretanto, é preciso que haja um regramento para que as pessoas que estão entrando na cidade não estejam enfermas, não precisando assim de atendimento. A medida, segundo Trad, é para evitar colapso no sistema.

Quase 50 mil veículos já foram abordados nas fiscalizações. “97.882 pessoas passaram ou entraram e saíram da nossa cidade, por isso, fomos obrigados a realizar quase 200 novos exames, desses 33 deram positivos e estão sendo monitorados”.

As barreiras sanitárias fixas estão em funcionamento desde o dia 08 de junho em pontos estratégicos das saídas para São Paulo, Sidrolândia e Três Lagoas, onde o fluxo de veículos vindo dos municípios do interior de Mato Grosso do Sul e de outros estados é mais intenso.

 

Leia Também

Casal em picape morre na hora após batida frontal com carreta na BR-267
Interior
Casal em picape morre na hora após batida frontal com carreta na BR-267
VÍDEO: na 'cara dura', ladrões arrombam casa no Giocondo Orsi
Cidade Morena
VÍDEO: na 'cara dura', ladrões arrombam casa no Giocondo Orsi
'CÊ CURTE?' Quinta-feira vai ser bem gelada e mínima será de 7º C em Campo Grande
Cidade Morena
'CÊ CURTE?' Quinta-feira vai ser bem gelada e mínima será de 7º C em Campo Grande
CUIDADO: cobra naja que deixou estudante em estado grave está desaparecida
Geral
CUIDADO: cobra naja que deixou estudante em estado grave está desaparecida