(67) 99826-0686

Hoje no Arraial de Santo Antônio tem Max Henrique, João Lucas e Walter Filho e Munhoz e Mariano

Os shows e as apresentações das quadrilhas estão marcados para começar a partir das 19h na Praça do Papa

14 JUN 2019
PMCG
12h50min
Foto: PMCG

No segundo dia da grande festa do Arraial de Santo Antônio de Campo Grande, 14 de junho, três nomes sobem ao palco: Max Henrique, João Lucas e Walter Filho, e Munhoz e Mariano. Na sexta-feira acontecem ainda as apresentações das quadrilhas Pega Fogo, Rede Solidária e Explosão Aquícola. Os shows e as apresentações das quadrilhas estão marcados para começar a partir das 19h na Praça do Papa, localizada na Vila Sobrinho.

O cantor Max Henrique sobe ao palco completando nove anos de estrada, com três CDs e um DVD gravado. Inclusive o “DVD Ao vivo em Campo Grande” foi gravado no Arraial de Santo Antônio de Campo Grande em 2017.  Os sucessos “Toma Beijinho” e “Viciado em Você”, gravado com Bruninho e Davi, agregam na apresentação do músico.

A dupla João Lucas e Walter Filho vêm com o seu sertanejo bruto de influências bem características da antiga moda de viola entoada por Tião Carreiro e Pardinho, Ronaldo Viola e João Carvalho, e Goiano e Paranaense. Com 13 anos de dupla, passagem por Barretão nos anos de 2009 e 2010, conta com cinco CDS, um DVD Ao Vivo, e EP lançado no início deste ano.

Os responsáveis pelos hits “Camaro Amarelo” vem para somar e fazer o público arrastar o pé com “Beberrão”, “Zé Goré”, “Balada Louca” e “Eu Gosto de Zueira”. Raphael Calux Munhoz Pinheiro e Ricardo Mariano Bijos Gomes, respectivamente Munhoz e Mariano, começaram a tocar em um boteco de Campo Grande e da brincadeira surgiu o amor pela música. Ainda em Campo Grande lançaram o primeiro CD, o DVD ao vivo no Parque de Exposições Laucídio Coelho e foi no programa Garagem do Faustão que alcançaram reconhecimento nacional, levando o 1º lugar do concurso na Rede Globo.

A respeito da apresentação no Arraial, Munhoz comemora: “Estamos de volta na nossa querida cidade morena, nossa terra natal, e as expectativas são as melhores possíveis”.

Veja também