Menu
terça, 27 de julho de 2021
PMCG REFIS 16 A 29/07
Cidade Morena

Idosa de 95 anos chama bombeiros, mas sem número de terreno baldio 'fica na mão' no Itamaracá

Ela teria sido orientada a sair de casa para não ficar em contato com a fumaça

07 fevereiro 2020 - 19h00Por Thiago de Souza

Filha de uma idosa de 95 anos lamenta que seu chamado aos Bombeiros, para conter fogo em terreno baldio, no bairro Itamaracá, tenha sido 'ignorado', em Campo Grande. O motivo seria a falta da numeração do lote em questão. Diante da situação, ela teria recebido a orientação de deixar a casa para não ficar em contato com a fumaça.

Conforme o relato da denunciante, o caso ocorreu no comecinho da tarde do dia 28 de janeiro, uma terça-feira, às 13h21. Conforme fotos que ela apresentou, um terreno pegava fogo na rua Padre Musa Tuma, daí o chamado aos militares, principalmente por conta da fumaça, prejudicial à idosa.

''Se é quintal baldio, como vou ter número?'', questionou a contribuinte. Ela disse ter informado um ponto de referência do local, que seria a Escola Municipal de Educação Infantil, Clebe Brazil Ferreira, na mesma rua, mas teria sido avisada que seria impossível encontrar o local.

Bombeiros teriam exigido número de terreno baldio. (Foto: André de Abreu - arquivo)

Em seguida, diz a denúncia, diante do problema, o militar que a atendia no momento teria orientado a filha a tirar a mãe do contato com a fumaça.

''Expliquei que minha mãe tem 95 anos de idade e é difícil de locomover com ela. É revoltante o descaso com a pessoa idosa no Brasil'', reclamou novamente. A denunciante destaca que nunca teve problemas em relação ao serviço da corporação.

''Sempre fui muito bem atendida pelos bombeiros, mas infelizmente tudo que tem a mão humana tem falhas'', concluiu.

Outro lado

Em contato com a Comunicação do Corpo de Bombeiros, fomos informados que houve um registro de chamado aos Bombeiros para a rua Georgina Pereira Barbosa, no Itamaracá, e que uma viatura foi ao local por volta das 17h. Porém, a moradora desconhece esse contato e a rua.  

Como o registro do pedido não foi achado no sistema que armazena as ocorrências das forças de segurança - o SIGO - a equipe de Comunicação orientou que a denunciante vá ao Comando Geral formalizar a queixa. Dessa forma, será possível buscar a gravação da ligação feita ao Centro Integrado de Operações de Segurança, o Ciops.

Leia Também

Campo Grande retoma 1ª dose de vacinas nesta quarta e imuniza funcionários de indústrias
Cidade Morena
Campo Grande retoma 1ª dose de vacinas nesta quarta e imuniza funcionários de indústrias
Ciclista atropelado e morto na Chácara das Mansões é reconhecido por sobrinha
Cidade Morena
Ciclista atropelado e morto na Chácara das Mansões é reconhecido por sobrinha
Vídeo: peruca de mulher escapa em brinquedo de parque de diversões
Geral
Vídeo: peruca de mulher escapa em brinquedo de parque de diversões
Frente fria deixa mínimas abaixo de 0°C em MS até o fim de semana
Cidades
Frente fria deixa mínimas abaixo de 0°C em MS até o fim de semana