Menu
segunda, 14 de junho de 2021
Cidade Morena

Doações transformaram vida de Romilda, que aguarda ansiosa reunião de gêmeas

Mãe agradece doações e diz que família vive dias melhores no Monte Castelo

13 maio 2021 - 07h00Por Dany Nascimento

Vivendo dias melhores: é assim que a dona de casa Romilda Ortiz de Moraes, 33 anos, define os dias atuais, após receber ajuda da população de Campo Grande, com a chegada das gêmeas, Esther e Sthefani.

Romilda afirma que após matéria divulgada pelo TopMídiaNews, a família ganhou muitas doações, inclusive com uma cômoda e um guarda-roupas para as irmãs.

“Recebi bastante doação, graças a Deus. Ganhamos roupas, fraldas, leite, guarda-roupa, cômoda e alimentos também. Eu desejo que cada um que doou receba tudo em dobro, me ajudaram muito, ficamos muito felizes e que Deus abençoe cada um”, diz a mulher. 

Cômoda e Guarda Roupas que a família ganhou Foto: Arquivo Pessoal

A pequena Esther continua internada na Santa Casa. “Eles estão com ela lá porque ela está tomando leite na sonda. Estão esperando chegar a chuquinha para ela aprender e vir para casa. Estou agoniada, mas logo ela estará com a gente”. 

A família reside na região do bairro Monte Castelo, em Campo Grande, em uma quitinete alugada que possui três peças. No total, sete pessoas moram na casa. 

“Pagamos aluguel aqui, tem três peças a casa e moramos apertadinho. Eu tenho três filhos homens, um de 17 anos, outro de 14 anos, outro de 12 anos e agora as meninas. Tudo que veio, foi bem-vindo”, disse Romilda.

Ela afirma que o marido trabalha com bicos como pedreiro. “Agora que ele voltou a trabalhar, que foi surgindo bicos. Mas com essa pandemia, estava bem parado de serviço”. 

A mãe afirma, que o que falta apenas na casa, é um beliche com colchão para os filhos maiores.

Para continuar ajudando a família, ligue (67) 9 8475-8569.