(67) 99826-0686

Mãe faz pastelada e bingo para fazer exames e adaptar casa para filha especial

Mariana é autista, tem microcefalia e paralisia cerebral; a mãe cuida sozinha da filha em uma residência no bairro Caiobá

13 JUL 2019
Dany Nascimento
13h30min
Foto: Arquivo Pessoal

Dalhane Pereira dos Santos, 31 anos, pede ajuda e convida a população para participar de uma pastelada com bingo no dia 10 de agosto, na Avenida Conde de Boa Vista, nº 956, no bairro Tijuca, em Campo Grande. A ação é em prol da pequena Mariana Aparecida Pereira Sanches, 9 anos, portadora de autismo, microcefalia e paralisia cerebral.  

A mãe, que se dedica diariamente à criança, explica que Mariana precisa fazer uma cirurgia. “Fui com ela no médico, fiquei sem chão. Ela tem uma hérnia e, como mexe muito no umbigo, acabou machucando e agora terá que operar. Preciso levar ela no endocrinologista também”.

De acordo com a mãe, a família vive com um benefício do governo no valor de R$ 998. Ela afirma que sonha em adaptar a casa devido às limitações da filha. “Vivemos do benefício, eu não posso trabalhar porque preciso cuidar da Mariana. Ela precisa de cuidados a todo momento. Minha prioridade é o médico, mas preciso adaptar um banheiro para ela, fazer algumas mudanças na casa. Minha filha anda, corre, mas precisa ter um banheiro adaptado em casa para não cair”.

Sobre o evento, a mãe afirma que vai sortear itens que ganhou e conta com a doação de mais objetos. “Eu tenho tupperware, cesta básica, estou ainda arrecadando outros prêmios. Ganhei algumas coisas já. O evento terá pastelada, bebidas, caldo de cana e doces. Os pais do amiguinho da Mariana, o Leo, que cederam a casa deles para a pastelada”.

Sobre o valor necessário para os exames e a reforma da casa, a mãe ainda não tem um levantamento. “Eu fiquei sabendo dessa necessidade pelo médico nesta semana, ainda vou verificar o preço, mas já decidi fazer o evento para conseguir levantar os recursos. Uma amiga minha indicou um pedreiro também, que vai na minha casa para ver o que pode ser feito”.

Para ajudar a pequena Mariana entre em contato através dos telefones:  67- 99152-8623, 99331-7413 ou 99216-6536.

Veja também