Menu
sexta, 25 de setembro de 2020
Cidade Morena

Mesmo sem contato externo, cinco 'avós' morreram de covid no Asilo São João Bosco

Cuidados foram redobrados com os idosos

06 agosto 2020 - 15h00Por Thiago de Souza

Cinco idosos já morreram pela covid-19, no Asilo São João Bosco, desde o início da pandemia, em Campo Grande. Mesmo com o contato externo proibido, a infecção foi cruel com os idosos que são do grupo de risco. 

Conforme o Asilo divulgou, as primeiras mortes foram de um homem, de 67 anos, de uma senhora de 82 anos e um vovô de 87 anos. 

No dia 18 de julho, cinco internados no asilo foram hospitalizados e, destes, dois morreram, sendo uma vovó de 98 anos e outra de 85 anos. Três ficaram internados, sendo uma de 101 anos, um de 72 anos e outra de 82 anos.

Nesta terça-feira, a idosa de 101 anos que estava internada voltou curada para a instituição. 

Prevenção

Ainda segundo o asilo, todos os internados que ficaram na instituição fizeram tratamento precoce com ivermectina, sulfato de zinco e vitamina D. Alguns poucos usaram a hidroxicloroquina. 

A instituição destacou que o tratamento foi prescrito pelo grupo ‘’Médicos pela Vida CG’’, que foi feito voluntariamente. 

''Todos estão muito bem de saúde, nenhum precisou ir para o hospital''.