(67) 99826-0686
Camara Maio

Motoristas de aplicativo ‘fecham’ Afonso Pena em protesto após assassinato de trabalhador

Protesto contou com aproximadamente 500 veículos; motoristas querem mais segurança

14 MAI 2019
Anna Gomes
12h52min

Após a morte de Rafael Baron, de 24 anos, motoristas de aplicativos realizaram uma manifestação na manhã desta terça-feira (14), na Avenida Afonso Pena, em Campo Grande.

De acordo com o presidente Associação de Parceiros de Aplicativos de Transporte de Passageiros e Motoristas Autônomos de Mato Grosso do Sul, Paulo Cesar Pinheiro, o protesto contou com aproximadamente 500 veículos que percorreram toda avenida.

Ainda conforme o Pinheiro, a manifestação aconteceu com a intenção de dar um basta a violência contra os motoristas que trabalham sem ter segurança.

“Eles não estão respeitando a vida humana, pois mais uma pessoa morreu e não fazem nada. Isso sem contar os sequestros e assaltos que já aconteceram. Queremos que a nossa profissão seja reconhecida como qualquer outra e peço para que seja regulamentada”, disse o presidente da associação.

Veja também