Menu
Busca sábado, 19 de outubro de 2019
Top Ms
Cidade Morena

Obras na região do Nova Lima avançam com término de asfalto no Anache e recuperação de piscinão

No Jardim Anache, a Prefeitura investiu mais de R$ 10,3 milhões em obras de drenagem e pavimentação

16 setembro 2019 - 11h27Por PMCG

Os projetos de infraestrutura que a Prefeitura de Campo Grande tem planejado para a região do Bairro Nova estão em andamento em duas frentes  de serviço. O asfalto no Jardim Anache foi concluído na semana passada. Já no Residencial Oscar Salazar está em andamento a implantação da drenagem e começou o desassoreamento de um piscinão.

Com recursos do PAC Pavimentação, a  Prefeitura já  entregou na região quase 40 quilômetros  de pavimentação, recapeou mais de 7 km de v ias. Já no Nova Lima etapa B  (que será licitado nos próximos dias), a Prefeitura vai fazer mais mas 18,4 km de asfalto.

Desde sexta-feira da semana passada está sendo feito o desassoreamento de uma bacia de detenção de  águas pluviais existente no cruzamento das ruas Marques de Herval e Martim Afonso de Souza. Do piscinão, construído há 12 anos, serão retirados 3.500 metros cúbicos de areia em 700 viagens de caminhão.

O entorno dele será urbanizado com a construção de uma pista de caminhada que a comunidade do bairro poderá desfrutar. Com capacidade para reter aproximadamente 20  milhões de litros, a bacia retardará  a chegada ao Córrego Segredo, da água da chuva que será captada pela rede drenagem  em implantação na região como parte do Complexo  José  Tavares e do Nova Lima (etapas A e B). “É a primeira vez desde a inauguração, em 2007, junto com as casas, que se faz a manutenção do piscinão”, explica o pedreiro José Maria Alves.

José mora na Rua Martim Afonso de Souza, que se estende mais de um quilômetro e servirá de ligação do Oscar Salazar com o Nova Lima, pela Rua Marques de Herval, que será prolongada em mais um quilômetro.  O  projeto contempla uma rotatória  no cruzamento das duas vias.  Pela Marques de  Herval, conhecida como corredor do Nova Lima,   se chega a Avenida Cônsul Assaf  Trad e daí ao centro da cidade.   No Complexo José Tavares, até agora, foram 3,5 km de drenagem (dos 5,9 km  previstos)  e 8,5 km de pavimentação (de um total de  14,2 km).

No Anache

Na outra frente de obras na região, o Jardim Anache,  foi executado o último trecho de pavimentação,   na Rua Guaxe, uma via estreita, de 3 metros de largura, que se estende por  258 metros e numa quadra com a Rua Venâncio  Soares,  que divide o Anache do Vida Nova.

O serviço  foi entregue 30 dias depois  da entrega do asfalto no restante do bairro, porque foi preciso esperar a concessionária Águas Guariroba remanejar a rede de esgoto e retirar do traçado da  tubulação de drenagem.  No final da Rua Guaxe funciona a Escola de Educação Infantil Girassol  (uma organização não-governamental), que atende 150 crianças em dois períodos. Segundo a diretora, Maria Luzia de Moraes, a chegada do asfalto (principalmente da drenagem) acabou com um problema crônico: o alagamento do pátio e das de aula, porque a enxurrada captada no Vida Nova, pela bocas de lobo da Rua Venâncio  Soares, desembocava  justamente  no terreno da instituição.

No Jardim Anache, a Prefeitura investiu mais de R$ 10,3  milhões em obras de drenagem e pavimentação. Foram asfaltadas 44 ruas, que receberam 2,2 km de drenagem e 9,1 km de pavimentação. Está sendo feita a reprogramação do projeto para o recapeamento da Rua Lino Villacha (acesso ao Hospital São Julião) e pavimentação de algumas ruas na divisa com o Nova Lima, incluindo trechos da Avenida Cândido Lima.