TJMS Abril
Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
corona
Cidade Morena

Policiais aposentados voltam à ativa para atuar no combate à violência doméstica na Capital

Cerca de 20 veteranos da polícia civil passam a ajudar voluntariamente a Delegacia da Mulher

15 julho 2019 - 15h44Por Amanda Amaral

A partir desta segunda-feira (15), aproximadamente duas dezenas de policiais civis aposentados unem experiências para apoiar o trabalho realizado Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), em Campo Grande. A ajuda é feita de forma voluntária.


Diretor do grupo de aposentados do Sinpol (Sindicato dos Policiais Civis de Mato Grosso do Sul), Antonio Bianco explica como surgiu a iniciativa. "Estamos lançando uma semente, utilizando a mão de obra dos veteranos que deixaram de trabalhar há algum tempo, mas que ainda sentem a necessidade de contribuir com a sociedade. [...]É uma ideia que temos há mais de seis anos, não só [em ajudar] essa delegacia, mas outras assim que possível", diz.


A policial civil aposentava Ana Maria Vieira de Souza foi quem buscou o apoio do sindicato e demais autoridades para levar a ideia à frente. "O feminicídio está sendo muito constante na nossa cidade. Sempre falta gente, aí pensei eu sou aposentada, mas graças a Deus tenho saúde e resolvi convocar amigos, colegas, pra gente vir fazer esse trabalho".


O evento de lançamento do projeto aconteceu na Casa da Mulher Brasileira, onde fica a Deam. Veja abaixo o vídeo:

Leia Também

Olavo de Carvalho pede saída de Mandetta
Geral
Olavo de Carvalho pede saída de Mandetta
Estado e prefeitura têm baixas de interessados em concorrer eleições deste ano em MS
Política
Estado e prefeitura têm baixas de interessados em concorrer eleições deste ano em MS
Família de estudante autoriza doação de órgãos a Santa Casa
Cidades
Família de estudante autoriza doação de órgãos a Santa Casa
Mulher morre depois de se queimar com água fervente
Cidades
Mulher morre depois de se queimar com água fervente