Menu
domingo, 20 de setembro de 2020
Cidade Morena

Neta e avó ficam descalças em loja, são ignoradas por vendedores e são criticadas até expondo drama

Apesar das críticas, também sobraram elogios de quem apoia a iniciativa da jovem em reclamar do pouco caso sofrido

20 fevereiro 2019 - 09h30Por Thiago de Souza

Jovem foi às redes sociais expor situação de constrangimento vivida por ela e pela avó, ao ficarem descalças dentro de uma loja de departamentos em Campo Grande. Tirar o sapato foi alternativa para a idosa não escorregar no piso liso, mas quem disse que todos entendem essa situação? Na hora de expor o drama, críticas e acusações de quererem se promover.

O caso teria ocorrido na sexta-feira (15). Logo no início, a avó escorregou com as sapatilhas nos pés. De pronto, a neta ofereceu o calçado para a idosa.

''Mas mesmo assim, ela não se sentia segura e, com medo de cair, resolveu andar descalça... Ela estava bem constrangida e bem triste, então resolvi tirar minha sandália também e ficar descalça'', conta a familiar.

A jovem acrescenta que o fato da avó estar com roupas simples causou espanto entre clientes e funcionários. Ao se dirigirem para o caixa da seção de eletrodomésticos, mais pouco caso com as duas.

''NENHUM vendedor atendeu a gente. Ficavam olhando de cima em baixo, escolhemos várias coisas, e fomos pro caixa... Tinha vários parados, ninguém atendia mesmo'', relatou.

''Infelizmente fiquei muita chateada que as pessoas julgam pelo o que você está vestindo. Quem for lá, cuidado com o que você estiver vestindo ou calçado, porque se tiver mal vestido não vai ser atendido'', acusa a neta.

Na hora de relatar o problema no Grupo Aonde Não Ir em Campo Grande, no Facebook, a jovem sofreu mais um revés. Encontrou pessoas que acharam que ela só queria se promover e o debate rolou ''página abaixo''.

Críticas

''Por que não compraram uma havaianas? Lá tem calçados, já que estavam com tanto dinheiro para as compras que mostraram? Faltou discernimento aí, e ficar descalço em loja com dinheiro é estranho, no mínimo'', publicou uma internauta.

Em outro comentário, a mulher segue com as críticas à avó e neta. ''Já tive problema parecido e não fiz drama. Comprei uma sandália e fiquei numa boa'', escreveu. E logo abaixo acrescentou:

''Aproveitem e vão pelados já que gostam de polêmica kkk... E lembrando aos esquecidos ou mal informados, que todas lojas têm seus pisos lisos para que os clientes andem devagar e observem os produtos'', observou.

Solidariedade

No entanto, outras pessoas entenderam a situação vivida pelas familiares e confirmaram que o piso da loja em questão é liso e demanda atenção. Também escreveram que a culpa é, na verdade, das pessoas que olham as outras pelo que vestem.

''Que atitude linda a sua! Tirou os sapatos pra sua vó se sentir bem! Parabéns, você tem um coração muito bom!'', elogiou outra participante do grupo.

Outras mensagens de internautas apoiaram a atitude de neta e vó.

''Eu não suporto a ganância que certas pessoas, tem... Se antes de julgar a pessoa olhasse para dentro de si, para os seus atos, para suas responsabilidades, para os defeitos o mundo seria um lugar bem melhor!''.

Outro comentário disse: ''isso é julgar o próximo. Somos uma sociedade capitalista, onde o consumismo impera. Super valorizamos coisas e esquecemos de sermos humanos, de ter um olhar humanizado para com o próximo'', finalizou outra participante.

Leia Também

MS tem dez novas mortes por covid-19 em 24 horas; cinco em Campo Grande
Cidades
MS tem dez novas mortes por covid-19 em 24 horas; cinco em Campo Grande
Toque de Recolher 'bota fim' em aglomeração com mais de 150 pessoas em conveniência
Polícia
Toque de Recolher 'bota fim' em aglomeração com mais de 150 pessoas em conveniência
Homem tenta defender mulher do irmão e acaba morto com facada no pescoço
Interior
Homem tenta defender mulher do irmão e acaba morto com facada no pescoço
Suspeito morre em confronto com Bope e PM no Vida Nova
Polícia
Suspeito morre em confronto com Bope e PM no Vida Nova