TCE MAIO
(67) 99826-0686

Sem luz nem policiamento, moradores do Jardim Inápolis sofrem com onda de assaltos

Somente nessa terça-feira (25) foram registrados roubos de moto e celular

26 OUT 2016
Thiago de Souza
21h56min
Registro das ruas do Jardim Inápolis à noite Foto: Repórter Top

Os moradores do Jardim Inápolis, em Campo Grande, sofrem com uma onda de assaltos, atribuída, segundo eles, a falta de iluminação pública e da presença da polícia na região do Núcleo Industrial. Somente nessa terça-feira (25) houve dois roubos, sendo um de moto e outro de celular. 

Segundo os denunciantes, ao tirar uma foto do local nem com o flash da máquina é possível ver alguma coisa. O presidente da associação dos moradores do bairro, Celso Laureno, diz que a comunidade vive com medo.  ''É uma onda de assaltos e furtos, insegurança, as pessoas tem medo de sair nas ruas depois que escurece e tudo piora porque não tem iluminação em frente as casas e não tem policiamento passando aqui, uma ronda, nem nada, como ficam os moradores? A mercê mesmo da bandidagem”, reclamou a liderança, que encaminhou ao gabinete do vereador Chiquinho Telles (PSD). 

o parlamentar, por sua vez, prometeu encaminhar a reclamação para a Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), para a Prefeitura Municipal e também para a concessionária de energia elétrica de Mato Grosso do Sul.  

“Fomos conferir e nas ruas Sebastiana Andrade Pinho, Criciúma, Jacobina, Rua da Sé, Athenas, Rosa Vermelha, Coletânea, Ubá e Campo Florido, que são as ruas do bairro os moradores ficam na escuridão e policiamento é algo que não se vê”, afirmou Telles. Sobre os roubos, o vereador disse que a situação é grave e ''não dá para esperar uma tragédia''. 

Veja também