(67) 99826-0686
ALMS 13/06 a 12/07

TCE suspende reajuste da tarifa de ônibus na Capital e pede explicações da prefeitura

Decisão foi anunciada no final da tarde dessa sexta-feira (2)

3 DEZ 2016
Thiago de Souza
07h28min

O TCE (Tribunal de Contas do Estado) suspendeu o reajuste de 8,6% na tarifa do ônibus, anunciado pelo prefeito Alcides Bernal (PP), nessa sexta-feira (2). A decisão da corte de contas foi divulgada no final da tarde do mesmo dia. 

Em seu despacho, o conselheiro Ronaldo Chadid determinou que a Prefeitura de Campo Grande envie, no máximo em cinco dias, documentação e os esclarecimentos necessários para demonstrar todos os índices e variáveis utilizados no cálculo do valor da nova tarifa, além das cláusulas estabelecidas pelo contrato de concessão. 

A decisão sobre a suspensão do reajuste da tarifa relativa ao transporte coletivo da Capital estabelece prazo e multa e já está publicada em Edição Suplementar do Diário Oficial Eletrônico do TCE-MS, n. 1457 de 02 de dezembro de 2016. 

O presidente do TCE, Waldir Neves, demonstrou preocupação quanto ao reajuste anunciado no valor do vale transporte: “É muito estranho esse aumento no final do mandato, fora de época, no apagar das luzes. Precisamos analisar com muito cuidado essa situação'', declarou. 

 

Veja também