ENTREGAS
(67) 99826-0686
ENTREGAS

Vídeo: cuidadora encontra cães, gatos e galos vítimas de maus-tratos no José Abrão

O local estava sendo utilizado como descarte de animais de pequeno porte

11 SET 2016
Diana Christie
17h58min

Vários animais foram encontrados, na manhã deste domingo (11), com sinais de maus-tratos em uma estrada vicinal nas proximidades de uma chácara no bairro José Abraão, acesso para o ginásio do Sesi, em Campo Grande. O local estava sendo utilizado como descarte de animais de pequeno porte, que estavam agonizando ou já mortos.

Uma idosa de 64 anos, que se identifica pelo nome de Sandra Lubas, conta que é protetora de animais independente há 46 anos e foi até a região à procura de um poodle que está desaparecido com diversos ferimentos no rosto. As imagens do bichinho foram divulgadas no Facebook por uma pessoa que acredita que o cachorro tenha sido atropelado.


Poodle com diversos ferimentos ainda está desaparecida - Foto: Repórter Top

“Um funcionário do Sesi viu ele tomando água e me chamou porque ontem fiquei das 8h até às 15h procurando um animalzinho com a cabeça machucada, então fui pegar o animalzinho e vi o lugar de desova de animais. Há animais machucados, agonizando e alguns já mortos. Fica na estrada de asfalto, do ginásio do Sesi, pouco antes da estrada de chão que vai pro pesqueiro Nipon. Encontrei um galo com as duas asas amarradas e os pés”, relata.

Cachorrinha morreu durante o parto - Foto: Repórter Top

Perto do local, a idosa também achou vários gatos e uma cadelinha que acabou morrendo. “Depois vi uma caixa com quatro ou cinco gatos, não consegui contar porque assim que eu abri, eles fugiram. Perto dali tinha uma cadelinha agonizando com um filhote na vagina. Acho que ela foi dar cria e não tinha força para expelir. Estava agonizando, tentei reanimar, mas ela morreu. Já tinha muita formiga, eu tentava reanimar e as formigas vinham mordendo”.

Emocionada, Sandra relata que tentou pedir ajuda para pessoas em veículos que passaram na estrada, mas ninguém parou para ajudá-la. “Eu tentei, mas não consegui. Então estava ouvindo um latido e fui procurar para ver se era o meu, que eu estava procurando. Apareceu essa caixa grande com um boxer, tinha um saco de milho vazio dentro, e ele está doente, com os olhos sangrando”, conta.

Batizado de André, o cachorro boxer foi internado em uma clínica veterinária da Capital e passa bem. Veja os vídeos do resgate:

Veja também