Menu
sábado, 26 de setembro de 2020
Repórter Top

VÍDEO: estudantes se arriscam para atravessar em cruzamento sem semáforo na Vila Rosa Pires

Pais de alunos pedem instalação de semáforo no local, para segurança de motoristas e pedestres

04 março 2019 - 09h30Por Dany Nascimento

Cansada de enfrentar transtornos ao levar e buscar a filha na escola, uma mãe, que terá o nome preservado, clama pela instalação de semáforos no cruzamento da Rua Amazonas com José Antônio, na Vila Rosa Pires, em Campo Grande. Como existe uma escola próximo do cruzamento, é grande o fluxo de crianças e adolescentes e ela teme que acidentes aconteçam.

“A instalação se faz necessário devido ao fluxo intenso nas ruas acima citadas, os pedestres têm poucos segundos para a travessia ou uma espera mais prolongada para que sua travessia tenha o mínimo de segurança. Existe ali um fluxo intenso de carros, principalmente em horários considerados de pico, o que infelizmente vem a coincidir com a entrada e saída dos alunos nos turnos manhã e tarde”

Mas, a preocupação da mãe não está voltada apenas para os alunos. Ela destaca que motoristas precisam ficar atentos para evitar acidentes. “O motorista, em todos os momentos, sem exceções, tem que ficar em cima do cruzamento de pedestres, para que possa visualizar o fluxo de veículos provenientes das ruas, não deixando espaço ao pedestre”.

Segundo a mãe, ‘passou da hora’ da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) iniciar a instalação do semáforo.

Prefeitura

O TopMídiaNews entrou em contato com a assessoria do município, mas até o fechamento desta matéria, nenhuma resposta foi encaminhada.

Leia Também

Decreto permite três viagens diárias de ônibus entre Corumbá e Campo Grande
Interior
Decreto permite três viagens diárias de ônibus entre Corumbá e Campo Grande
Mortes da covid voltam a crescer em Mato Grosso do Sul
CORONAVÍRUS
Mortes da covid voltam a crescer em Mato Grosso do Sul
Com rio Paraguai abaixo de 10 cm, Agência Nacional de Águas monitora impactos da seca
Interior
Com rio Paraguai abaixo de 10 cm, Agência Nacional de Águas monitora impactos da seca
Casa pega fogo e assusta neta e avó em bairro de Campo Grande
Cidades
Casa pega fogo e assusta neta e avó em bairro de Campo Grande