(67) 99826-0686
ALMS 13/06 a 12/07

Alíquota volta aos índices antigos e Governo garante IPVA sem reajuste em 2017

Em 2016, carros de passeio pagaram 3,5% sobre o valor de venda

22 OUT 2016
Thiago de Souza
15h00min
IPVA em 2017 não sofreu reajuste como em 2016 Foto: Arquivo/TopMídiaNews

O IPVA 2017 deve ser mais barato para o contribuinte sul-mato-grossense em 2017. Segundo o governo do Estado, a alíquota para o ano que vem volta a ser 2,5% sobre o valor venal do veículo, diferente do praticado em 2016 que foi de 3,5%. A redução vale para carros de passeio, caminhonetes, caminhonetes de uso misto e utilitários. 

Conforme o governador Reinaldo Azambuja (PSDB),  para 2017 o valor do imposto será menor que em 2016 por conta do ajuste fiscal feito em 2015, o suficiente para equilibrar as contas do Estado. Os descontos e a forma de pagamento parcelado, segundo Azambuja, permanecem os mesmos do ano passado.  O tucano aproveitou para dizer que descarta novos aumentos de tributos para ano que vem. 

O secretário de Fazenda de Mato Grosso do Sul, Márcio Monteiro disse que os carnês chegarão a todos os contribuintes até o dia 30 de novembro. No boleto há a possibilidade de pagamento à vista, com 15% de desconto, ou parcelado em até cinco vezes, porém sem desconto.  

Foto: Marycleide Vasques/Reprodução

O total de recursos arrecadados com o IPVA é distribuído de forma igualitária: 50% para o Estado e 50% destinados ao município onde o veículo é licenciado. O dinheiro vai para o Tesouro do Estado e dos municípios para atender as necessidades da população em saúde, educação, infraestrutura e outros.

Segundo a Sefaz, Campo Grande recebeu R$ 35,8 milhões no período em janeiro em 2015 e R$ 49,8 milhões, em 2016, o que representa um acréscimo de R$ 14 milhões. Para Dourados o valor subiu de R$ 8,8 milhões em 2015 para R$ 12,2 milhões em 2016. O repasse para o município de Três Lagoas que foi de R$ 4,9 milhões, aumentou para pouco mais de R$ 7 milhões em 2016.

Veja também