(67) 99826-0686
PMCG - REFIS 01 a 30/07/2019

Após dez meses de busca, família segue sem pistas sobre desaparecimento de homem

Aires saiu de casa, no Jardim Flórida, e nunca mais foi visto por parentes ou conhecidos

21 DEZ 2016
Amanda Amaral
15h03min
Foto: Reprodução/Arquivo pessoal

Desde o dia 11 de fevereiro deste ano, familiares e amigos de Aires Marques Espíndola, conhecido pelos apelidos de ‘Gurizão’ e ‘Baixinho’, buscam por sinais que levem ao seu paradeiro. O homem de 51 anos saiu de casa durante o dia de Carnaval, no bairro Jardim Flórida II, em Dourados, e nunca mais retornou.

Conforme sua irmã, Luciana Marques Espíndola, de 29 anos, naquele dia Aires estava com comportamento diferente do normal, aparentando estar desorientado e falando palavras sem sentido. Após tomar café, saiu de bicicleta ainda pela manhã e disse à mãe que retornaria até o horário do almoço, o que não aconteceu.

“No outro dia, registramos boletim de ocorrência na polícia e procuramos por bares que ele costumava frequentar. Desde então tentamos de tudo, colamos cartazes pela cidade, publicamos o comunicado de desaparecimento em jornais da cidade e até do interior do Estado, mas o que recebemos foram apenas notícias falsas”, relata a irmã.

No último dia em que foi visto pela família, Aires estava vestindo uma camisa polo listrada nas cores verde e branco, shorts listrado e chinelos da cor azul, portando os documentos, mas sem seu aparelho celular. Conforme Luciana, o irmão tem duas filhas, é tranquilo e nunca teve desentendimentos com ninguém, mas costumava fazer consumo constante de bebidas alcoólicas.

Quem tiver qualquer informação sobre o homem pode entrar em contato com a família através dos números de celular (67) 99264-4746 ou 99647-0924. 

Veja também