(67) 99826-0686
PMCG - Prestação de contas

Após pichações, comunidade organiza 'rolezinho do bem' no Obelisco nesta tarde na Capital

Rolezinho do Bem

27 JAN 2014
Carlos Guessy
15h00min
Com Obelisco pichado, a polícia investiga autoria e comunidade marca rolezinho do bem nesta tarde. Foto: Geovanni Gomes

Na última sexta-feira quem passou pela Avenida Afonso Pena com a Rua José Antônio viu o monumento mais emblemático de Campo Grande pichado. A autor do péssimo exemplo escreveu em verde a palavra ‘Xarada’, em possível alusão a um inimigo do Batman com pontos de interrogação e vários pontos de interrogação nos diversos lados do monumento histórico da Capital.

A prefeitura municipal já tem planejada uma nova pintura para o Obelisco, enquanto a Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista (Decat) já investiga o crime.

 

"Essa é a quinta vez que nos organizamos para pintar o Obelisco. Esse monumento é um cartão postal da cidade, turistas passam por aqui para ir no Parque das Nações, é a principal rua da Capital, temos que valorizar e fazer o bem vencer sempre o mal sempre", conclui o idealizador da ideia, Ronilço Guerreiro.

A iniciativa teve até o meio dia de hoje, 700 curtidas e vários comentários de apoio. Para o proprietário da loja Tintas Qualicor, Alexandre Costa, é uma questão de responsabilidade social participar desse ato. "O grande incentivador é o nosso parceiro Ronilço Guerreiro, ele nos procura sempre quando tem um ato desse tipo de desrespeito contra Campo Grande. Doamos as tintas e o material a ser usado na pintura. Assumimos essa parceria com ele para mais um ato de mobilização", disse Alexandre.

"Saímos da balada no sábado de madrugada e fomos comer aqui na frente do obelisco e vimos esse absurdo. É falta do que fazer desses vagabundos. Tem que ter punição para esses crimes. Tem a guarda municipal, porque não colocam um ponto fixo aqui para cuidar desses patrimônios históricos da nossa cidade?", questionou a advogada Cynthia Kaviski.  Ela ainda enfatiza, "Campo Grande é tão linda e não fica atrás das outras capitais, a copa está vindo e muitos turistas vão passar por aqui. Tenho certeza que todos os moradores tem orgulho da Cidade Morena e queremos elogios e não descaso principalmente com obras", garante Cynthia.

O delegado que investiga o caso, Antônio Silvano Mota, afirma que as investigações já começaram. “O inquérito e as investigações irão ocorrer independentemente da abertura de um boletim de ocorrência. Trata-se de um símbolo da cidade e por isso há um agravante porque é depredação de patrimônio público. Nossos policiais vão apurar informações e possivelmente devemos consultar imagens de circuitos de seguranças próximos ao Obelisco. Isso vai ajudar e muito nas investigações”, disse o delegado titular da Decat, Antônio Silvano Mota.

Pelo Facebook, a fã page da loja de tintas Qualicor publicou as fotos da pichação nesse final de semana. Na postagem o convite convoca a população a realizar um ‘rolezinho do bem’, em que as pessoas fizessem a recuperação do monumento nesta segunda no final da tarde.

 

Para o Visual Merchandising, Augusto Prado,  a ideia é válida, mas ele cobra uma ação mais rígida da parte do governo. "Parabéns pela iniciativa. Mas espero mais atitude de nossos governantes em relação a esse vandalismo que está tomando conta da cidade. Chega!!! Vamos exigir tolerância zero!!!", escreveu Augusto no facebook.

Outro internauta escreveu no post dos comentários, rebatendo as críticas, "Parabéns pela iniciativa, nossa cidade esta abandonada pela nossa prefeitura... Acho q o prefeito não tomou posse ainda... Pq e oq parece!! E quem fica criticando, pq tbm não faz algo???".

Por outro lado há pessoas que sugerem a criação de um espaço alternativo para as artes de rua,como grafite. O empresário Renderson Valentim escreveu, "Seria muito Legal tb se promovessem um role para valorizar os artistas de ruas. pois sem espaços e ações para valorização e protagonismos destes os muros viram espaços para mostrarem e exigirem uma viabilização Social. muito mais interessante do que fazer o serviço do poder publico", postou Renderson.

Procurada para se manifestar sobre o pichamento em um ponto público de Campo Grande a assessoria de imprensa da prefeitura informou a reportagem procurar a Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação. Procuramos a Seintrha, e obtivemos informações que a pasta planeja para o próximo fim de semana a pintura do monumento mesmo que ela já tenha sido pintado. O secretário Semy Ferraz não atendeu as várias ligações da reportagem para se manisfestar.

Veja também