IPVA GOV
(67) 99826-0686

Bancários recebem nova proposta e greve será discutida em assembleia

A Fenaban ofereceu uma nova proposta à categoria, mas ainda é bem abaixo do que a classe reivindica

6 OUT 2016
Anna Gomes
11h15min
Foto: Geovanni Gomes/Arquivo

A greve dos bancários já completou um mês e ainda não tem previsão de acabar. Na noite de ontem (5), a categoria se reuniu com a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) que ofereceu uma nova proposta, mas ainda bem abaixo do que a classe reivindica.

Conforme o Sindicato dos Bancários de Campo Grande-MS, no encontro, a Fenaban que havia oferecido 7% aumentou para 8% de reajuste e mais 15% de vale alimentação, mas os bancários lutam por 14,78%.

Ainda conforme o sindicato, após haverá assembleias às 18h desta quinta-feira (6), em todo o Brasil. Após as reuniões, a categoria vai decidir se acata, ou não, a proposta feita pela Fenaban e se aceitarem a greve pode acabar, caso contrário, os bancários vão seguir de braços cruzados por tempo indeterminado.

Em Campo Grande e região, 153 agências estão fechadas devido a paralisação. A greve já ultrapassa a do ano passado quando os funcionários ficaram 21 dias de braços cruzados.

Veja também