TCE SETEMBRO
Menu
terça, 28 de setembro de 2021 Campo Grande/MS
Cidades

Chuva de 40 minutos alaga 14 de julho e causa transtorno a pedestres

Chuvas

26 novembro 2013 - 19h00Por Aline Oliveira e Willian Leite

No final da tarde de hoje (25), uma chuva que durou pouco mais de 40 minutos causou transtorno a pedrestres e motoristas que passaram pelo cruzamento da Rua 14 de julho com a Jornalista Belizário Lima, na vila Glória.


O local ficou intransitável para pedestres e causou dificuldade aos motoristas que tiveram de redobrar a atenção, para que não ocorressem acidentes. As chuvas frequentes no final de ano estão apenas começando, porém, quem mais sofre são os pedestres.


A auxiliar administrativa Nadia Cavalcanti, 29 anos, explicou que toda vez que chove sofre com os problemas decorrentes das enxurradas. "Já perdi três ônibus porque não consigo atravessar o alagamento. Acredito que a infraestrutura da cidade não está acompanhando o desenvolvimento e a região central está sofrendo o impacto", analisou.


Para o estudante da Escola Estadual Vespasiano Martins, Alex Giovani, 16 anos, a chuva é sinônimo de incômodo e roupa molhada. "Nós alunos sofremos para atravessar neste ponto da 14 de julho toda vez que chove. Tem vezes que tenho de tirar meu tênis e acabo chegando em casa todo molhado", revelou.

Leia Também

Prepare o bolso: diesel sobe R$ 0,25 nas refinarias
Economia
Prepare o bolso: diesel sobe R$ 0,25 nas refinarias
Idoso de 62 anos agride esposa de 27 e justifica que flagrou traição dentro de casa
Polícia
Idoso de 62 anos agride esposa de 27 e justifica que flagrou traição dentro de casa
SES autoriza a vacina em trabalhadores da saúde com dose de reforço em MS
Saúde
SES autoriza a vacina em trabalhadores da saúde com dose de reforço em MS
Geraldo Resende 'lavou a alma' na Câmara e recebeu de elogios a nota de repúdio
Campo Grande
Geraldo Resende 'lavou a alma' na Câmara e recebeu de elogios a nota de repúdio