(67) 99826-0686
ALMS 13/06 a 12/07

Pais comemoram nascimento da primeira filha que chegou na virada do ano

Vida nova

1 JAN 2014
Ana Rita Chagas
11h00min
Foto: Geovanni Gomes

Após muitas tentativas, a educadora Maria Helena da Silva,41, viu seu sonho tornar-se realidade nos primeiros instantes de 2014. A pequena Emanuelle, nasceu aos 27 minutos da primeira quarta-feira do ano, com 50 centímetros e um pouco mais de 3kg. Para a mãe de primeira "viagem" o nascimento da filha é a conquista mais desejada da vida. "Foi o meu melhor presente de ano novo. É uma benção porque ela estava prevista para nascer no dia 2 de janeiro e ela quis adiantar para nascer junto com os fogos de ano novo", comemora.

 

Maria Helena já havia passado por diversos procedimentos para conseguir engravidar e por conta disso preferiu optar por uma cesariana para não correr riscos. " Foi uma gravidez demorada tive de esperar muito. Programei  a chegada dela para ser por meio de uma cesariana porque  eu tinha medo por conta da idade. Foi uma gravidez de risco, mas  ela quis nascer de parto normal", conta emocionada.

Assim como Emanuele outras duas bebês também estrearam as primeiras horas de 2014. Mãe de cinco filhos,  Marilza  de Jesus Nogueira, 36, diz que se sentiu privilegiada por ter dado à luz no primeiro dia do ano. " Dos cinco filhos que tive nunca aconteceu isso comigo e foi a primeira vez com ela. Eu estou muito feliz, agora vou fazer uma comemoração só: o nascimento da minha menina e o nascimento de um novo ano, e que ele venha com muita prosperidade e saúde", enfatiza a dona de casa.

Lorraine Cristina de Lima Gonçalves, 19, que estava com o parto programado para a tarde de 31 de dezembro também orgulha-se de ter recebido a filha nas primeiras horas da manhã desse primeiro de janeiro: às 5h13, na Santa Casa de Campo Grande. " Isso significa muito pra mim,  2014  é um ano que está começando e a vida da minha filha também. Estou construindo a minha família  e isso é o que importa", declara.

Maria Helena e Marilza de Jesus deram à luz na Maternidade Cândido Mariano, em Campo Grande, e segundo a equipe de plantão do hospital, este ano o registro do nascimento do primeiro bebê  foi adiantado em mais de um hora em comparação ao registrado em 2012 que nasceu a 1h56. 

Veja também