Menu
terça, 15 de junho de 2021
Cidades

Juiz da Infância é promovido a Desembargador do Tribunal de Justiça de MS

Critério de escolha foi o de antiguidade

20 março 2019 - 18h34Por Thiago de Souza

Desembargadores que compõem o Tribunal Pleno do Tribunal de Justiça elegeram o juiz Zaloar Murat Martins de Souza como novo desembargador da Corte de Mato Grosso do Sul, nesta quarta-feira (20). O magistrado era titular da Vara da Infância e da Adolescência de Dourados e o critério de escolha foi o de antiguidade.  

A partir da posse, diz o Dourados News, o magistrado passará a compor uma das Câmaras Criminais e uma das Seções Criminais do TJ. Questionado sobre a nova responsabilidade que assumirá ao atuar em segundo grau, Souza confessou receber com alegria a promoção, pois é a realização pessoal de um integrante da magistratura chegar ao ápice da carreira.
 
Zaloar explicou ainda que deixou de se inscrever em alguns concursos de promoção para o TJMS porque questões familiares o impediam de optar por uma mudança tão grande, mas a vida exigiu dele decisões, assim, convenceu-se que, caso não o fizesse desta vez, não o faria mais.

“Como todo magistrado, sonhei chegar ao topo da carreira e ser promovido a desembargador. Atuarei em uma das Câmaras Criminais e tenho amigos lá, juízes que atuaram em Dourados como o desembargador Jairo e a desembargadora Dileta, o que penso será um fator favorável na adaptação ao novo cargo”, contou.

Histórico

Zaloar Murat Martins de Souza ingressou na magistratura em janeiro de 1989, na 10ª circunscrição, após aprovação no XI Concurso para o cargo de Juiz Substituto.
 
Em agosto do mesmo ano, uma promoção o levou para a comarca de Sete Quedas, onde permaneceu até março de 1991, quando, por remoção, passou a judicar em Itaporã.
 
Em março de 1995, foi promovido para a 1ª Vara de Amambai, comarca de segunda entrância. Foi diretor do Foro. Foi promovido para Dourados em março de 2001 e na comarca de entrância especial judicou na 6ª Vara Cível, sendo removido em 2004 para a Vara da Infância, onde permaneceu até a promoção para desembargador.