TJMS JANEIRO
Menu
sexta, 21 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Cidades

Justiça Itinerante fecha o ano com maior atendimento já realizado

08 dezembro 2015 - 13h03Por Assessoria TJ/MS

Dois dias de muito trabalho na comarca de Naviraí, renderam o maior atendimento já realizado pelo ônibus da Justiça Itinerante. Ao total, foram 296 conversões de união estável em casamento, cinco divórcios e uma dissolução de união estável. Pelo menos 1.200 pessoas foram atendidas na tarde de sexta-feira (4) e durante todo o sábado (5). O vice-presidente, Des. Paschoal Carmello Leandro, estava presente e acompanhou todo o atendimento à população.

O serviço estava dentro da Caravana da Saúde, em plena Avenida Bandeirantes, onde foi montada a arena de serviços, na região perto do Estádio de Futebol Virotão e do Navi Clube. Nem a chuva persistente na cidade, fez com que as pessoas perdessem a oportunidade. 

Para o Des. Paschoal Carmello Leandro, esta edição fechou com chave de ouro a atuação da Justiça Itinerante que, em 2015, atendeu a população do interior de MS. “Prestamos um serviço relevante para essa população, que se não fosse essa ação talvez não tivessem a oportunidade de buscar o seu direito e regularizar sua situação, principalmente em relação ao casamento”, explicou o vice-presidente.

No sábado (5), o atendimento começou cedo, às 6h30. Mas, como conta o juiz Cezar Luiz Miozzo, titular da Justiça Itinerante de Campo Grande, as pessoas chegaram antes. “A procura foi muito grande mesmo. As pessoas chegaram às 2h da madrugada e ficaram esperando o atendimento. Nós fizemos este atendimento recorde e não pudemos atender a todos que procuraram. Realmente ficamos devendo porque era humanamente impossível atender a grande demanda”.

Muita gente ficou de fora, mas podem ficar tranquilos que para o ano de 2016 haverá um novo atendimento para a população de Naviraí, que busca legalizar a sua situação. É o que garante o juiz Eduardo Lacerda Trevisan, da 2ª Vara Cível de Naviraí, que participou da ação.

“Nós tivemos uma repercussão extraordinária. Fizemos o atendimento com dois ônibus, mas, mesmo assim, muita gente ficou de fora. Então pretendo fazer um casamento coletivo no ano que vêm”. 

Para o Trevisan, a forma como trabalha a Justiça Itinerante é a razão pela qual tantas pessoas procuram o serviço. “Os casais têm um sonho de reforçar os laços afetivos e o desejo de se regularizarem, para ter a garantia de seus direitos. E na Itinerante é tudo rápido e gratuito. Isto é muito importante, principalmente para a população carente da nossa comarca”.

Já a procuradora-geral do município de Naviraí, Gracieth Abrahão Costa Santos, garantiu o apoio para o novo atendimento em 2016. “Não tínhamos a noção de que tanta gente no município precisava deste atendimento. Foi realmente uma surpresa, porque superou todas as expectativas. Nós vamos dar todo o apoio ao Dr. Trevisan para realizar os casamentos em uma próxima oportunidade, porque a população procurou o serviço e está interessada em regularizar sua situação”.

Este foi o último atendimento do ônibus da Justiça Itinerante no interior do Estado. Em 2015 o serviço foi às comarcas de Coxim, Ponta Porã, Três Lagoas, Paranaíba, Nova Andradina, Corumbá e agora em Naviraí. Pelo menos 6.000 receberam atendimento e orientações jurídicas, com 1.433 conversões de união estável em casamento.