(67) 99826-0686
ALMS 13/06 a 12/07

Mais de dois mil alunos foram matriculados em escolas instaladas presídios

Educação

13 JAN 2014
Ana Rita Chagas
11h36min
Foto: Edemir Rodrigues

Os 26 presídios de Mato Grosso do Sul receberam  mais de 2 mil alunos matriculados no ano de 2013, conforme dados divulgados pela Divisão de Educação da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário).


Segundo a Escola Estadual Polo Regina Anffe Nunes Betine (responsável pelo ensino nos estabelecimentos prisionais), 140 reeducandos concluíram o ensino fundamental ou o médio, pelo Sistema Educação de Jovens e Adultos (EJA), um aumento de quase 13% com relação ao ano anterior. 

De acordo com a Agepen, em 2014 está prevista a abertura de turmas para o ensino fundamental completo nas duas unidades fechadas de Ponta Porã e na Penitenciária de Naviraí, além da implantação do ensino médio no Estabelecimento Penal de Dois Irmãos do Buriti. No ano passado foram capacitados 1.037 reeducandos, dos quais 553 por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), estando alguns cursos ainda em andamento. 


As capacitações são oferecidas em diferentes áreas como: maquiador, manicure, viveiricultor, horticultor orgânico, aplicador de revestimento em cerâmica, pedreiro de alvenaria, eletricista e instalador predial de baixa tensão, pizzaiolo, auxiliar de padaria e confeitaria, desenhista de moda, gesseiro e torneiro mecânico. Para este ano, já estão previstos 32 cursos oferecidos pelo Pronatec, com 477 vagas. Em 2013, 83% dos 993 inscritos realizaram as provas em 31 estabelecimentos prisionais da Agepen. 

Veja também