Menu
sábado, 08 de agosto de 2020
Linha de frente - compet
Cidades

Povoamento do Aquário do Pantanal levará seis meses

Aquário

28 outubro 2013 - 14h16Por Carlos Guessy

Segundo o superintendente de Ciência e Tecnologia da Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia (Semact), Felipe Dias, o trabalho de povoamento dos 24 tanques do Aquário do Pantanal, que está sendo construído no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande deverá levar seis meses para ser concluído.

 "Tudo isso vai exigir um sofisticado esquema logístico que inclui doações e aquisição de espécies de cativeiro, trabalho de captura diretamente nos rios e transporte dos exemplares em caminhões com tanques até o espaço do empreendimento." afirma Felipe.

A expectativa é que esse trabalho seja iniciado no ano que vem quando houver espaço disponível no empreendimento para trazer, por etapas, as primeiras espécies, provenientes das bacias hidrográficas dos rios Paraná e Paraguai.

“Num primeiro momento, vamos aproveitar espécies que já são reproduzidas em cativeiro, como por exemplo o pintado e o pacu. Aquelas em que não for possível comprar ou conseguir doação de criadores autorizados terão que ser capturadas na natureza, com autorização dos órgãos ambientais e terão que passar por quarentena, até fazermos a ambientação delas”, explicou.

O procedimento de quarentena é fundamental, já que além de consistir na adaptação do animal, é um período em que são monitoradas possíveis doenças exigindo até mesmo isolamento para evitar que os demais indivíduos sejam infectados.  

Leia Também

Atriz Chica Xavier morre aos 88 anos no Rio de Janeiro
In Memoriam
Atriz Chica Xavier morre aos 88 anos no Rio de Janeiro
MS chega perto das 500 mortes pela covid e secretário alerta para o Dia dos Pais
Cidades
MS chega perto das 500 mortes pela covid e secretário alerta para o Dia dos Pais
Homem mata jacaré de 2,5 metros a pauladas e é flagrado pela PMA
Interior
Homem mata jacaré de 2,5 metros a pauladas e é flagrado pela PMA
Filha se junta com amigos e dá golpes de martelo no pai em aldeia indígena de Dourados
Interior
Filha se junta com amigos e dá golpes de martelo no pai em aldeia indígena de Dourados