Menu
sábado, 08 de agosto de 2020
Linha de frente - compet
Cidades

Prefeito lamenta 'rebeldia' contra regramentos e destaca ser 'a única alternativa'

“Às vezes tô na rua, as pessoas falam palavras fortes contra minha pessoa e minhas filhas, isso não traz nada de positivo", disse

16 julho 2020 - 14h15Por Nathalia Pelzl

Durante a live diária no Facebook, o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD) destacou que tem sido recebido, muita das vezes, com comentários agressivos por moradores, que questionam as medidas adotadas.

“Estamos estressados, é trabalho, dívida, imposto, é esse coronavírus, que está trazendo transtorno mental para todo mundo, qualquer medida que é tomada psicologicamente a pessoa já recebe com agressividade”, disse.

Além do mais, ele garantiu que também está cansado, mas o aumento dos casos não deixa alternativa.  “Às vezes tô na rua, as pessoas falam palavras fortes contra minha pessoa e minhas filhas, isso não traz nada de positivo, também estou abalado, sou igual a vocês, por isso peço do fundo do meu coração, estão todos com nervos a flor da pele, por favor, receba os decretos, as regras e obedeça, não temos outra alternativa”.

Dúvidas

Ele também aproveitou para esclarecer dúvidas sobre os novos regramentos. Sobre as academias, ele destacou que podem funcionar de segunda a sexta até às 20 horas, quando começa a valer o toque de recolher.

“Segunda, terça, quarta, quinta e sexta pode funcionar das 5 às 20h, sábado e domingo, a gente pede pra vocês, por favor, academias de ginástica não abram aos finais de semana. Tenho certeza que as academias vão ser parceiras da nossa cidade”, disse ao lembrar que são apenas dois finais de semana.

“Fim de semana posso sair para caminhar? É o livre arbítrio, se vai fazer caminhada no domingo ou no sábado, por favor, nós recomendamos que não faça, são apenas 2 finais de semana. Ah, Marquinhos se eu quiser ir? Vai, leve sua máscara e tenta reduzir o máximo prejuízo que você pode ocasionar para nossa cidade e para sua casa”, complementou.

Sobre pet shop, ele esclareceu que por inserir as clínicas veterinárias, essa atividade é considerada essencial. “Podem atender sim, de segunda a sexta, no sábado desde que tenha a clínica veterinária dentro pode funcionar também, estando o profissional dentro dos pets shops”.

Ele pontuou sobre os deliverys que estão funcionando 24h. Sobre o não funcionamento do comércio varejista aos finais de semana e os possíveis descontos aos funcionários, o prefeito pediu mais empatia.

“Estão falando que donos de comércio vão descontar o sábado, será que as pessoas não entenderam que a culpa não é dos funcionários, da prefeitura? A culpa é do coronavírus, o número crescente de 316 casos a mais e de 4 óbitos de ontem pra hoje, que está fazendo tomar essas medidas. Ninguém está aqui para prejudicar ninguém, e se todos falam em amor ao próximo, união, solidariedade, ainda tem gente falando em descontar salário? Tenham bom-senso, pelo amor de Deus”, desabafou.

Leia Também

Ciro Gomes diz que trabalha para ser presidente e prender família Bolsonaro
Geral
Ciro Gomes diz que trabalha para ser presidente e prender família Bolsonaro
Corpo de mulher é achado enterrado em casa abandonada e dois são presos em Três Lagoas
Interior
Corpo de mulher é achado enterrado em casa abandonada e dois são presos em Três Lagoas
Saúde de Corumbá anuncia mais quatro mortes pela covid; total é 57
Cidade Morena
Saúde de Corumbá anuncia mais quatro mortes pela covid; total é 57
Com mais 1079 mortes, Brasil se aproxima dos 100 mil óbitos pela covid-19
Geral
Com mais 1079 mortes, Brasil se aproxima dos 100 mil óbitos pela covid-19