Menu
Busca quinta, 20 de fevereiro de 2020
Cidades

Quatro crianças morreram afogadas em três meses em Mato Grosso do Sul

Mortes ocorreram durante brincadeiras e acidentes domésticos

20 janeiro 2020 - 19h00Por Nathalia Pelzl

Mais uma criança, com menos de 3 anos, morreu vítima de afogamento em Mato Grosso do Sul. Em três meses é o quarto caso no Estado.

O menino de 2 anos, identificado como Felipe Shirmann Borges, morreu afogado no final da tarde final de tarde deste domingo (19), no Distrito de Nova Casa Verde, em Nova Andradina.

A criança estaria brincando em uma caixa d’água, quando por circunstâncias ainda a serem apuradas, se afogou.

O Samu (Serviço Móvel de Urgência) foi acionado, tentou a reanimação, mas o menino não sobreviveu. O fato aconteceu em uma propriedade rural na região do Assentamento Peroba.

Outros casos

No dia 15 de novembro, em Porto Murtinho, a bebê Eloize Daiane Brito, de 1 ano e dois meses, morreu após cair em um balde de lavagem para porcos, no Bairro Salim Cafure.

Também no mesmo dia, no entanto, em Bela Vista, o pequeno identificado como Pedro, de 2 anos, morreu afogado em uma piscina desativada de uma fazenda

Na época, uma testemunha informou que a mãe da criança trabalharia em um hospital da cidade e iria passar o fim de semana com o filho.

Já no dia 23 de dezembro, em Dourados, a pequena Vitória Lorraine Souza dos Anjos, de 1 ano, morreu afogada em um balde enquanto sua mãe limpava casa.

Ela chegou a ser socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas morreu a caminho do Hospital da Vida.