TJ BANNER JUNHO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
sábado, 25 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Cidades

Recordista em apreensões de drogas, DOF dá primeiros passos para construir sede própria

Obra reforça compromisso do governador Reinaldo Azambuja com a corporação

27 junho 2020 - 16h34Por Thiago de Souza

O Governo do Mato Grosso do Sul lançou edital de licitação para iniciar a construção da sede própria do Departamento de Operações de Fronteira, o DOF. A corporação registra recordes na apreensão de drogas e vigilância da região de fronteira. 

O edital foi lançado nesta sexta-feira (26), e segundo o governo, reforça o compromisso do governador Reinaldo Azambuja com uma das forças de segurança mais atuantes na faixa dos 1,5 km de fronteira com Paraguai e Bolívia. 

“O DOF vai ter sua sede própria, nada mais justo. Com a ausência das forças federais na fronteira, é a única polícia presente em muitas estradas na Linha Internacional”, frisou o governador Reinaldo Azambuja, na edição do Governo Presente, na cidade de Dourados, quando anunciou a obra.

Recordes

De acordo com a Secretaria de Justiça e Segurança Pública do MS, a Sejusp, de janeiro a junho de 2020, o DOF apreendeu cerca de 100 toneladas de drogas, 41% a mais que o mesmo período de 2019. 

As ações dos policiais de elite de MS, além de impedirem que as drogas cheguem às ruas, também representaram prejuízo financeiro de R$ 106 milhões às organizações criminosas. 

Além de drogas, o DOF tem sido responsável por grande parte das apreensões de cigarros vindos do Paraguai. Com aumento de 88,6% em relação ao ano passado, foram 596 mil a mais de pacotes de cigarros apreendido, totalizando um prejuízo financeiro ao crime organizado de R$ 34 milhões. 

“É um reconhecimento do Governo do Estado da importância do Departamento de Operações de Fronteira e da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira) nos crimes transfronteiriços, justamente em um momento em que o departamento quebra todos os recordes de apreensão de drogas”, disse secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Antonio Carlos Videira.
Videira justificou a construção da sede própria também para acomodar os grandes volumes de produtos e drogas apreendidos. 

O diretor do DOF, Coronel Wagner Ferreira da Silva, contou que a sede própria é aguardada há mais de 30 anos. 

“É um sonho de muitos profissionais que passaram por esta importante unidade policial e foi alvo de incansável trabalho de muitos diretores do DOF. A publicação da licitação desta obra representa a execução de um plano ousado do Governo do Estado para modernizar as estruturas de enfrentamento ao crime na nossa região de fronteira”.

Para o comandante-geral da PMMS, coronel Marcos Paulo Gimenez, que até 22 de maio era diretor do DOF, a construção da sede própria do DOF é um sonho antigo e uma conquista para a tropa.

DOF

Criado em 1987 com o nome de Grupo de Operações de Fronteira (GOF), o DOF atua em 53 municípios do Estado, com a presença mais efetiva na fronteira com o Paraguai e com a Bolívia, inclusive, em uma extensa área rural. Atualmente a sede fica localizada na Avenida Coronel Ponciano, em

Dourados.

A nova casa do DOF será construída no Jardim Guaicurus, em uma área de 17.400 m², cedida pelo município de Dourados. A área construída será de 1.434,92 m² de um moderno complexo policial que abrigará o DOF e a Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (DEFRON).