CORUMBÁ 21 A 23/06/21
TCE 21 a 27/06/2021
Menu
terça, 22 de junho de 2021
MEDIDAS RESTRITIVAS 19/06 a 30/06/2021
Cidades

HU tenta negociar custos para evitar suspensão dos serviços de anestesia da unidade

Hospital Universitário

22 novembro 2013 - 11h20Por Ana Rita Chagas

Integrantes da diretoria do Hospital Universitário se reúnem nesta sexta-feira (22), com representantes da SERVAN  e MPF/MS (Ministério Público Federal de Mato Grosso do Sul) para chegar a um acordo que possibilite a continuidade dos serviços de anestesia da unidade hospitalar. Segundo a assessoria do hospital, a intenção da diretoria do HU é fazer com que a empresa aceite as orientações do TCU ( Tribunal de Conta da União) e  tabela de preços estabelecida pelo Sistema Único de Saúde.

De acordo com o MPF/MS, o SERVAN está oferecendo serviços que ultrapassam os valores exigidos pela tabela do SUS ( Sistema Único de Saúde) em até 1600%. O MPF/MS protocolou, na última  quarta-feira (20), ação civil pública na Justiça Federal para impedir a paralisação dos procedimentos de anestesia no Hospital Universitário, em Campo Grande.

Na próxima segunda-feira (25),  termina o contrato do HU com a empresa SERVAN Anestesiologia, que até o momento não apresentou interesse em aceitar renovar a prestação de serviços, com base na remuneração praticada pela Tabela do SUS. Conforme o MPF/MS, na Capital, 97% dos médicos anestesiologistas estão filiados ao SERVAN – dos 89, apenas 3 não integram o quadro da empresa, o que inviabiliza a contratação de profissionais autônomos para atender à demanda do HU. O monopólio do SERVAN é agravado pela exigência de remunerações muito acima dos preços praticados pelo SUS e pela irredutibilidade da empresa em negociar valores. 

Leia Também

Vereador denuncia manobra da prefeitura para 'engordar' ganhos de secretários em Coxim
Interior
Vereador denuncia manobra da prefeitura para 'engordar' ganhos de secretários em Coxim
Jornal esclarece que montagens de serial killer do DF ao lado de Lula são falsas
Geral
Jornal esclarece que montagens de serial killer do DF ao lado de Lula são falsas
Vídeo: Bolsonaro se revolta e manda repórter da Globo calar a boca
Geral
Vídeo: Bolsonaro se revolta e manda repórter da Globo calar a boca
Vídeo: dupla assalta policial e um suspeito é baleado em Ponta Porã
Interior
Vídeo: dupla assalta policial e um suspeito é baleado em Ponta Porã