Menu
terça, 27 de outubro de 2020
Cidades

Santa Casa de Campo Grande recebe repasse de R$ 750 mil

Repasse

28 janeiro 2014 - 12h12Por Ana Rita Chagas

O governador André Puccinelli (PMDB) efetuou o repasse  da primeira parcela no valor de R$ 750 mil em recursos estaduais para o Hospital Santa Casa de Campo Grande. 


O Recurso é referente à Lei nº 4.441, sancionada em dezembro de 2013, que autoriza o Termo de Cooperação junto a Associação Beneficente de Campo Grande (ABCG) por meio de transferência direta do Fundo Estadual de Saúde para o Fundo Municipal de Saúde de Campo Grande, sendo o Município o gestor pleno e responsável pelos valores à ABCG.  

Os valores proporcionarão a manutenção e a operacionalização das atividades do Hospital durante o período de 84 meses. O repasse foi feito por intermédio da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul (SES), e é  um aditivo ao Termo de Contratualização já existente somando aproximadamente R$ 1,5 milhão para a Santa Casa de Campo Grande (considerando a soma com o repasse já feito atualmente de cerca de R$ 800 mil). " Com este auxílio, a Santa Casa adquire condições de uma administração sem o peso de dívidas e pode fazer frente aos investimentos necessários para a melhoria de serviços, podendo também criar um fundo de caixa para que o Hospital não trabalhe no vermelho e dependente de recursos”, afirmou Wilson Teslenco, presidente da Associação Beneficente de Campo Grande.

Leia Também

Foragido ameaça padrasto e acaba preso novamente em Corumbá
Interior
Foragido ameaça padrasto e acaba preso novamente em Corumbá
Marroquino nega agressão, diz que mulher surtou e é amante de ex-funcionário em Campo Grande
Cidade Morena
Marroquino nega agressão, diz que mulher surtou e é amante de ex-funcionário em Campo Grande
Veja como se prevenir da covid-19 durante visita aos cemitérios
Cidades
Veja como se prevenir da covid-19 durante visita aos cemitérios
Gente boa e conselheiro: amigos lamentam morte precoce de militar da FAB
In Memoriam
Gente boa e conselheiro: amigos lamentam morte precoce de militar da FAB