Menu
terça, 18 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Cidades

Servidores do Incra fazem greve por tempo indeterminado em MS

21 agosto 2015 - 13h36Por Anna Gomes

Aproximadamente 100 servidores do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) de Mato Grosso do Sul, paralisarão suas atividades nesta quinta-feira (21), por tempo indeterminado em Campo Grande. No Estado o número de trabalhadores que aderiram a greve sobe para 153.

A decisão foi tomada pela categoria no último dia 14 quando realizaram assembléia geral com a participação da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Públicos Federais (Sindsep-MS). São 168 funcionários na ativa, dos quais 30% estão destinados a permanecerem nos postos, atendendo setores estratégicos como Protocolo, pagamentos, Sala da Cidadania urgentes e inadiáveis.

 Os manifestantes ficaram  concentrados desde às 9h  desta manhã na entrada principal do Incra-MS, na Rua 25 de Dezembro, esquina com a Antônio Maria Coelho, no prédio onde funcionou o Shopping Center Marrakech. O local ficou repleto de faixas, cartazes e também teve distribuição de panfletos esclarecendo o motivo da paralisação.

Os servidores reivindicam a reestruturação do órgão no Estado através da recomposição do quadro de funcionários, dos níveis salariais, melhores condições de trabalho e atendimento ao público.

Segundo os dirigentes do movimento “o Governo federal ignora a reforma agrária e a gestão fundiária do País, sucateando o Incra, ameaçando a soberania territorial e alimentar”. Eles rejeitam ainda  a proposta do Ministério do Planejamento de reajuste de 21,3% parcelado em quatro anos (2016 a 2019) .